Tecnologia

WSJ revela apps móveis que vazam dados

A maioria das aplicativos avaliados compartilha o número de identificação do aparelho

WSJ: maioria das apps avaliadas compartilha o número de identificação do aparelho (Getty Images)

WSJ: maioria das apps avaliadas compartilha o número de identificação do aparelho (Getty Images)

DR

Da Redação

Publicado em 9 de junho de 2011 às 20h41.

São Paulo - Uma pesquisa do jornal The Wall Street Journal levantou diversas informações sobre a coleta e transmissão de dados de usuários de smartphones. Entre a descobertas estão compartilhamento de ID do aparelho, senhas e local do usuário.

Para coletar os dados o jornal selecionou 50 aplicativos para iPhone e Android, com base na lista de apps mais populares de cada uma das lojas (Market e App Store). Para a análise foi chamado o especialista em segurança David Campbell, da Eletric Alchemy, em Denver.

Um dos principais pontos destacados pelo WSJ é o fato de as apps não possuírem uma política de privacidade, ou mesmo discriminar os tipos de dados que são compartilhados e, o mais importante, com quem são compartilhados.

A maioria das apps avaliadas compartilha o número de identificação do aparelho, que é uma espécie de IP ou número de série único. Ele distingue um aparelho de outro. Isso permite que empresas de marketing, por exemplo, tracem seu perfil de consumo e entreguem anúncios direcionados. Um sistema similar ao de histórico de navegação do Google.

Um dos aplicativos que é campeão em divulgar as informações dos usuários, enviando os dados de localização e ID para 7 empresas no iPhone e 6 no Android. Entre os que recebem os dados estão a Apple, Google, Flurry e Geocade.

Para ter acesso aos dados completos, veja o gráfico do WSJ (em inglês).

Acompanhe tudo sobre:AndroidAppsCelularesGoogleIndústria eletroeletrônicaiPhonePrivacidadeseguranca-digitalSmartphones

Mais de Tecnologia

TikTok passa a testar vídeos de 60 minutos e acirra disputa com YouTube

Como tirar o online do WhatsApp no Android? Confira o tutorial no app

Como escanear documentos no seu smartphone sem instalar nada

Como descobrir uma fonte a partir da imagem pela internet

Mais na Exame