Tecnologia

WhatsApp ganha videoconferências com link compartilhável

Com a atualização, o mensageiro fica mais parecido com o Zoom, Meet e Teams, que possuem recursos voltados para o mundo corporativo

WhatsApp: nova função permite acessar sala de videoconferência via link (Aytac Unal/Anadolu Agency/Getty Images)

WhatsApp: nova função permite acessar sala de videoconferência via link (Aytac Unal/Anadolu Agency/Getty Images)

Já é possível entrar em chamadas de vídeo ou áudio no WhatsApp e convidar outros usuários através de um link compartilhável.

Foi o que revelou o CEO Mark Zuckerberg nesta segunda-feira, 26, ao anunciar que o app também testa chamadas de vídeo criptografadas com até 32 pessoas.

“Mais anúncios em breve”, escreveu o CEO, em seu perfil no Facebook.

Com os links compartilháveis, o usuário pode fazer salas de conversa assim como é feito no Zoom, Meet e Teams, serviços que são voltados para o mundo corporativo.

Contudo, ainda que firme um pé do WhatsApp fora da casualidade comum do mensageiro, a publicação de Mark Zuckerberg não deixou claro se pessoas que não têm WhatsApp poderão acessar o link nem se será possível agendar uma chamada através do endereço.

A Meta anunciou que aumentaria o número de pessoas nas conversas em grupo em abril.

Em agosto, a companhia começou a testar os recursos de Comunidades no WhatsApp, que permitem aos administradores criarem uma comunidade com vários grupos de usuários.

No Brasil, a modalidade só chega em janeiro por recomendação do Ministério Público Federal em São Paulo.

Acompanhe tudo sobre:Appsmark-zuckerbergWhatsApp

Mais de Tecnologia

Muito tempo no celular? Veja dicas para diminuir seu tempo de tela

Dez anos de Spotify no Brasil: o app que extinguiu a pirataria e virou sinônimo de música

O que esperar do balanço da Nvidia, a mais nova queridinha de Wall Street

Quatro operadoras da China se unem para oferecer roaming 5G entre redes

Mais na Exame