Acompanhe:

Sony confirma fim da venda de TVs e eletrônicos no Brasil no fim de março; veja o que muda

Empresa manterá os segmentos de games, com o PlayStation, produtos profissionais e entretenimento.

Modo escuro

Continua após a publicidade
TV da Sony: empresa deixará de vender eletrônicos para consumidor no final do mês, à exceção do Playstation (Sony/Divulgação)

TV da Sony: empresa deixará de vender eletrônicos para consumidor no final do mês, à exceção do Playstation (Sony/Divulgação)

T
Thiago Lavado

Publicado em 1 de março de 2021 às, 17h04.

Última atualização em 1 de março de 2021 às, 18h01.

A Sony confirmou nesta segunda-feira, 1°, que este mês será o último da operação de eletrônicos de consumo da empresa no país. O movimento já havia sido adiantado, em setembro do ano passado, quando a fabricante encerrou a operação da fábrica que mantinha na Zona Franca de Manaus.

Com a saída, a Sony deixa de vender televisores, câmeras e equipamentos de áudio no Brasil. Serão mantidos, contudo, a divisão de games — responsável pelo PlayStation 5, por exemplo —, o segmento de câmeras e outras soluções profissionais, além da divisão de entretenimento, como a Sony Music e Sony Pictures.

A empresa reiterou que os consumidores que adquiriram produtos não ficarão desamparados e a companhia manterá a pós-venda e suporte de reparo pelo tempo necessário, em conformidade com os regulamentos e requisitos locais de proteção aos consumidores.

"A Sony está tomando todas as medidas necessárias e está muito comprometida como empresa em empenhar seus esforços para garantir todos os direitos, o melhor tratamento e cuidados especiais aos seus colaboradores. A Sony Brasil continuará a oferecer todo suporte ao consumidor para os produtos sob a sua responsabilidade comercial de acordo com as leis aplicáveis e sua política de garantia de produtos", disse a empresa em nota enviada à EXAME.

https://twitter.com/sonybrasil/status/1366386326292070403

Confira a nota da Sony na íntegra:

O grupo Sony sempre adota medidas para fortalecer a estrutura e a sustentabilidade de seus negócios, para responder às rápidas mudanças no ambiente externo. Nós decidimos fechar a fábrica em Manaus ao final de Março de 2021 e interromper, em meados de 2021, as vendas de produtos de consumo pela Sony Brasil, tais como TV, áudio e câmeras, considerando o ambiente recente de mercado e a tendência esperada para os negócios.

A Sony está tomando todas as medidas necessárias e está muito comprometida como empresa em empenhar seus esforços para garantir todos os direitos, o melhor tratamento e cuidados especiais aos seus colaboradores. A Sony Brasil continuará a oferecer todo suporte ao consumidor para os produtos sob a sua responsabilidade comercial de acordo com as leis aplicáveis e sua política de garantia de produtos.

Os demais negócios do grupo Sony no Brasil (Games, Soluções Profissionais, Music e Pictures Entertainment) continuarão a manter sua forte atuação no mercado local.

 

Últimas Notícias

Ver mais
Sony anuncia testes de nova stablecoin própria no blockchain Polygon
Future of Money

Sony anuncia testes de nova stablecoin própria no blockchain Polygon

Há uma semana

O que pensa o CEO da Sony Music sobre o uso de inteligência artificial na criação artística
Inteligência Artificial

O que pensa o CEO da Sony Music sobre o uso de inteligência artificial na criação artística

Há uma semana

Como o recuo da Microsoft consolida Nintendo e Sony nos games
Tecnologia

Como o recuo da Microsoft consolida Nintendo e Sony nos games

Há um mês

Sony vai assumir venda de DVDs da Disney
Pop

Sony vai assumir venda de DVDs da Disney

Há 2 meses

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais