Sony confirma fim da venda de TVs e eletrônicos no Brasil no fim de março; veja o que muda

Empresa manterá os segmentos de games, com o PlayStation, produtos profissionais e entretenimento.
TV da Sony: empresa deixará de vender eletrônicos para consumidor no final do mês, à exceção do Playstation (Sony/Divulgação)
TV da Sony: empresa deixará de vender eletrônicos para consumidor no final do mês, à exceção do Playstation (Sony/Divulgação)
Por Thiago LavadoPublicado em 01/03/2021 17:04 | Última atualização em 01/03/2021 18:01Tempo de Leitura: 3 min de leitura

A Sony confirmou nesta segunda-feira, 1°, que este mês será o último da operação de eletrônicos de consumo da empresa no país. O movimento já havia sido adiantado, em setembro do ano passado, quando a fabricante encerrou a operação da fábrica que mantinha na Zona Franca de Manaus.

Com a saída, a Sony deixa de vender televisores, câmeras e equipamentos de áudio no Brasil. Serão mantidos, contudo, a divisão de games — responsável pelo PlayStation 5, por exemplo —, o segmento de câmeras e outras soluções profissionais, além da divisão de entretenimento, como a Sony Music e Sony Pictures.

A empresa reiterou que os consumidores que adquiriram produtos não ficarão desamparados e a companhia manterá a pós-venda e suporte de reparo pelo tempo necessário, em conformidade com os regulamentos e requisitos locais de proteção aos consumidores.

"A Sony está tomando todas as medidas necessárias e está muito comprometida como empresa em empenhar seus esforços para garantir todos os direitos, o melhor tratamento e cuidados especiais aos seus colaboradores. A Sony Brasil continuará a oferecer todo suporte ao consumidor para os produtos sob a sua responsabilidade comercial de acordo com as leis aplicáveis e sua política de garantia de produtos", disse a empresa em nota enviada à EXAME.

Confira a nota da Sony na íntegra:

O grupo Sony sempre adota medidas para fortalecer a estrutura e a sustentabilidade de seus negócios, para responder às rápidas mudanças no ambiente externo. Nós decidimos fechar a fábrica em Manaus ao final de Março de 2021 e interromper, em meados de 2021, as vendas de produtos de consumo pela Sony Brasil, tais como TV, áudio e câmeras, considerando o ambiente recente de mercado e a tendência esperada para os negócios.

A Sony está tomando todas as medidas necessárias e está muito comprometida como empresa em empenhar seus esforços para garantir todos os direitos, o melhor tratamento e cuidados especiais aos seus colaboradores. A Sony Brasil continuará a oferecer todo suporte ao consumidor para os produtos sob a sua responsabilidade comercial de acordo com as leis aplicáveis e sua política de garantia de produtos.

Os demais negócios do grupo Sony no Brasil (Games, Soluções Profissionais, Music e Pictures Entertainment) continuarão a manter sua forte atuação no mercado local.