Plataforma de jogos Roblox é avaliada em 30 bilhões de dólares

A startup levantou 520 milhões de dólares em uma rodada investimento e planeja fazer uma abertura de capital em breve
Roblox: a plataforma permite que qualquer usuário publique seu próprio jogo (Andrew Mangum/The New York Times)
Roblox: a plataforma permite que qualquer usuário publique seu próprio jogo (Andrew Mangum/The New York Times)
L
Laura PanciniPublicado em 07/01/2021 às 16:13.

Após novos investimentos, a plataforma americana de jogos online Roblox foi avaliada em 29,5 bilhões de dólares (por volta de 150 bilhões de reais), transformando a empresa privada em uma das startups mais valiosas do mundo.

A startup levantou 520 milhões de dólares em uma nova rodada de financiamento. Ela foi liderada pelas firmas de investimento Altimeter Capital e Dragoneer Investment Group, com investidores como o The Investment Group of Santa Barbara e o Warner Music Group.

Em fevereiro de 2020, a empresa estava avaliada em 4 bilhões de dólares. Isso significa que sua avaliação aumentou em 7 vezes em menos de um ano.

A Roblox também anunciou nesta última quarta-feira (6) que tem planos de fazer uma abertura de capital e não levantará nenhum financiamento adicional antes.

De acordo com reportagem da Axios, a ideia original da empresa era fazer uma oferta inicial de ações (IPO) ainda em 2020, mas sua estratégia mudou após as estreias das startups DoorDash e Airbnb.

"Vimos empresas adotando abordagens inovadoras para criar um relacionamento entre investidores e empresas. Com base em tudo que aprendemos até agora, sentimos que isso é uma oportunidade de melhorar nosso processo para funcionários, acionistas e futuros investidores", disse o CEO da Roblox, Dave Baszucki, em um e-mail para seus funcionários após o anúncio.

A Roblox se diferencia dos outros aplicativos de jogos devido ao seu aspecto social. Os usuários criam um personagem e exploram o mundo virtual, repleto de milhares de games, com outros jogadores. Além disso, qualquer pessoa pode criar seu jogo e publicá-lo, possibilidade que levou a entrada de mais de 2 milhões de desenvolvedores na plataforma.

Em 2019, a empresa afirmou ter 17,6 milhões de usuários. Já em julho de 2020, ela chegou a ter 150 milhões de usuários que visitavam sua plataforma todos os dias. No total, eles passam cerca de 3 bilhões de horas dentro do app por mês.

Veja Também

Vitor Knijnik: a Era do Siliconwood
Um conteúdo Bússola
Há 11 horas • 3 min de leitura

Vitor Knijnik: a Era do Siliconwood

Bondinho e MSW Capital iniciam programa de inovação
Um conteúdo Bússola
Há 15 horas • 4 min de leitura

Bondinho e MSW Capital iniciam programa de inovação