Patente sugere que Samsung está interessada em smartphones transparentes

No fim de agosto, a fabricante sul-coreana registrou uma patente para o uso de telas que utilizam esta tecnologia

A Samsung pode apostar em smartphones transparentes em um futuro não tão distante. No fim de agosto, a fabricante sul-coreana teve uma patente registrada para o uso da tecnologia que pode fazer com que os novos dispositivos tenham design totalmente diferente dos aparelhos atuais.

A patente da Samsung foi registrada em janeiro deste ano junto ao Escritório de Patentes e Marcas Registradas dos Estados Unidos (Uspto) e ao Escritório Mundial de Propriedade Intelectual (Wipo). A publicação do registro ocorreu somente no dia 27 de agosto.

De acordo com os documentos registrados, a tecnologia é baseada na utilização de um display OLED equipada com um painel de exibição luminoso transparente. O uso desses componentes permite que o conteúdo possa ser exibido na tela do aparelho, mesmo que ela seja transparente e não espelhada.

Outro ponto descrito na patente é que a tela utilizada para tornar o smartphone transparente também pode ser flexível, algo que já está sendo explorado por diferentes fabricantes de celulares. A Samsung, inclusive, já lançou alguns smartphones dobráveis, como o Galaxy Z Fold, por exemplo.

Com base nos detalhes da patente, o site LetsGoDigital, em colaboração com o designer Giuseppe Spinelli, criou uma série de modelos renderizados que mostram um pouco do que a Samsung pensa para seus próximos aparelhos. As imagens desta reportagem são apenas parte de um conceito especulativo.

Designer renderizou um modelo de smartphone com tela transparente de acordo com a patente registrada pela Samsung

Designer renderizou um modelo de smartphone com tela transparente de acordo com a patente registrada pela Samsung (Giuseppe Spinelli/LetsGoDigital/Reprodução)

A Samsung ainda não manifestou qualquer intenção recente de produzir um smartphone transparente. Em 2015, a companhia chegou a apresentar um conceito de tela transparente em um evento de tecnologia. Mas foi só. É importante destacar que muitas empresas registram patentes de novas tecnologias apenas para impedir que concorrentes diretas utilizem essas inovações em seus produtos.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?

Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?

Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 15,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

exame digital + impressa

R$ 44,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa quinzenal.

  • Frete grátis

Já é assinante? Entre aqui.

Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.