Tecnologia

Microsoft processa fabricante de joystick

Seattle - A Microsoft deu entrada em um processo judicial na última quinta-feira, acusando a fabricante britânica de acessórios de videogame Datel Design and Development de copiar ilegalmente os controles do console da empresa de software. A Microsoft, fabricante do Xbox, alega que os controles "TurboFire" e "WildFire" -- que se parecem com os controles […]

EXAME.com (EXAME.com)

EXAME.com (EXAME.com)

DR

Da Redação

Publicado em 5 de abril de 2010 às 15h43.

Seattle - A Microsoft deu entrada em um processo judicial na última quinta-feira, acusando a fabricante britânica de acessórios de videogame Datel Design and Development de copiar ilegalmente os controles do console da empresa de software.

A Microsoft, fabricante do Xbox, alega que os controles "TurboFire" e "WildFire" -- que se parecem com os controles do Xbox e são vendidos por 50 dólares na Internet-- infringem suas patentes.

No processo, aberto em um tribunal federal de Seattle, a Microsoft pede uma quantia não especificada de indenização, pagamento de royalties ou lucro da Datel obtido com as vendas, enquanto pede também a proibição de fabricação dos controles.

A unidade norte-americana da Datel não retornou imediatamente as tentativas de contato.
 

Acompanhe tudo sobre:EmpresasEmpresas americanasempresas-de-tecnologiaMicrosoftPatentesProcessos judiciaisTecnologia da informação

Mais de Tecnologia

Oracle encerra negócio de publicidade após queda de receita

Seu iPhone será atualizado? Confira a lista de quais modelos vão receber o novo iOS 18

A Apple conseguirá salvar o Vision Pro?

Americanos confiam mais no TikTok para notícias do que em outras redes, diz pesquisa

Mais na Exame