iPhone 14 e 14 Plus são apresentados, mas as verdadeiras novidades ficam para a versão Pro e Pro Max

Somente os modelos Pro contam com novo chip Apple A16 e o entalhe descolado da borda da tela
iPhone 14 Pro: novo entalhe descolado da borda da tella (Apple/Reprodução)
iPhone 14 Pro: novo entalhe descolado da borda da tella (Apple/Reprodução)
A
André Lopes

Publicado em 07/09/2022 às 15:23.

Última atualização em 07/09/2022 às 18:23.

A Apple apresentou o iPhone 14 e suas variantes nesta quarta-feira, 7. E, como antecipando pela EXAME, a estratégia da empresa para os smartphones é a de ampliar a divisão entre as linhas de entrada e as versões Pro, onde estão as tecnologias mais avançadas da marca.

Por isso, sai de cena o iPhone Mini, opção menor e mais barata e porta de acesso à Apple para muitos usuários novos. E, para o iPhone 14 e 14 Pus, um design semelhante ao do antecessor com o mesmo processador A15 do ano passado, algo inédito na apresentação de um novo iPhone.

As inovações do iPhone 14

Definitivamente como versões de entrada daqui pra frente, o iPhone 14, de 6,1 polegadas, e o iPhone 14 Plus, de 6,7 polegadas, só divergem na tela.

Os displays agora são de OLED com HDR, contraste de 2.000.000:1 e brilho de até 1.200 nits. A câmera dupla permanece com 12 megapixel: um sensor principal de lente de f/1,5, e um ultrawide.

Preparados para cenas em movimento, a Apple exibiu os aparelhos como mais precisos na hora de corrigir vídeos feitos em mãos tremulas.

(Apple/Reprodução)

Acompanhando a pegada do Apple Watch Series 8 Ultra, que tem recursos para esportistas e exploradores, agora o iPhone 14 consegue pedir ajuda via satélite.

Assim, se um usuário sem sinal de operadora, como em uma situação de acidente na mata, será possível enviar uma mensagem para solicitar um resgate.

(Apple/Reprodução)

Há também uma combinação de sensores e software que o deixam apto para identificar um acidente de carro. Caso positivo, o próprio iPhone vai acionar os serviços de emergência automaticamente.

O visual do smartphone é semelhante ao anterior, e as cores são cinco. Sendo elas o preto, vermelho, azul, branco e lilás.

iPhone 14 Pro e sua tela sempre ativa

É possível dizer que o iPhone 14 Pro e o 14 Pro Max trazem a maior parte das novidades da Apple para 2022.

A começar pelo design da tela, que não tem mais o entalhe no topo, adotado pela linha no iPhone X, de 2017.

No lugar, um recorte em formato de linha que abriga a câmera e o Face ID. O aumento de tela criado ganhou uma função chamada de Dynamic Island, que vai aglomerar informações breves e notificações curtas, que podem ser acessas pelo toque.

(Apple/Reprodução)

A tela, com opções de 6,1 e 6,7 polegadas, inova ao trazer o recurso Always-On Display, que é um avanço para a Apple, mas amplamente usado em smartphones premium com Android.

O funcionamento consistem em deixar a tela OLED sempre ativada, com o relógio e widgets sobre um fundo escuro, gastando pouca energia. O truque aqui é a tela que fica em baixa atualização, em uma frequência mínima de 1 Hz, assim como o Apple Watch.

No hardware, os modelos Pro são os únicos da marca a contar com o novo chip A16. O processador de 5 nanômetros, entre outras coisas, de ajudar a gestar a bateria melhorada que agora tem suporte a carregadores de até 30 W.

Na traseira, um conjunto de três câmeras. A principal, de 48 megapixels, tem foco automático, gravando vídeos a 60 frames por segundo.

Para fotos noturnas e com iluminação adversas, a Apple implementou o recurso pixel binning, que combina pixels menores para dar mais volume na resposta de luz da imagem.

(Apple/Reprodução)

Assim, de 48 megapixels, a foto chega para o usuário com 12 megapixels. Há também o recurso voltado para profissionais da fotografia ProRAW. Nele, capta-se as imagens em 48 megapixels e sem pós-processamento, para edições posteriores.

Os demais sensores são o grande-angular, que promete desempenho três vezes melhor em baixa luminosidade.

Já a câmera telescópica foi aprimorada no zoom de 3x. Até o flash teve mudanças, e agora se adapta à distância focal usada.

Em gravação de vídeo, o iPhone 14 Pro deve alcançar 8K de resolução.

Já a câmera frontal deve ganhar uma abertura maior, de f/1,9, e foco automático aprimorado.

Confira a fixa técnica completa do iPhone Pro

  • Processador: Apple A16
  • Tela: OLED Retina 6,1 polegadas (14 Pro) ou 6,7 polegadas (14 Pro Max), 120 Hz
  • RAM: 6 GB
  • Armazenamento: 128 GB, 256 GB, 512 GB ou 1 TB
  • Câmera traseira
    • Principal: 48 megapixels, sensor de 1/1,3 polegadas, pixels de 1,22 µm
    • Grande-angular: 12 megapixels, pixels de 1,4 µm
    • Telescópica: 12 megapixels
  • Câmera frontal: 12 megapixels, f/1,9
  • Bateria: 3.200 mAh (14 Pro) / 4.323 mAh (14 Pro Max), suporte a carregamento de 30 W
  • Modem 5G com conexão a satélites

Preço e disponibilidade

O iPhone 14 já está listado na loja da Apple com preços a partir de R$ 7.599. Nos EUA, a pré-venda começará nesta sexta-feira, 9.

Mas a edição convencional chegará antes aos consumidores: em 16 de setembro de 2022.

O modelo Plus, com tela maior, estará disponível aos usuários apenas a partir de 7 de outubro.

Já versão Pro está anunciada no Brasil com preços a partir de R$ 9.499, mas modelo ainda não está disponível para compra.