• AALR3 R$ 20,07 -0.64
  • AAPL34 R$ 68,92 3.20
  • ABCB4 R$ 16,74 0.30
  • ABEV3 R$ 14,10 0.57
  • AERI3 R$ 3,85 5.77
  • AESB3 R$ 10,95 2.34
  • AGRO3 R$ 30,96 0.72
  • ALPA4 R$ 20,80 1.66
  • ALSO3 R$ 19,47 2.42
  • ALUP11 R$ 27,24 1.64
  • AMAR3 R$ 2,48 2.90
  • AMBP3 R$ 31,15 3.66
  • AMER3 R$ 24,11 2.73
  • AMZO34 R$ 66,30 -0.51
  • ANIM3 R$ 5,55 1.83
  • ARZZ3 R$ 79,40 -2.41
  • ASAI3 R$ 16,00 0.25
  • AZUL4 R$ 21,94 3.98
  • B3SA3 R$ 12,15 0.91
  • BBAS3 R$ 38,56 4.22
  • AALR3 R$ 20,07 -0.64
  • AAPL34 R$ 68,92 3.20
  • ABCB4 R$ 16,74 0.30
  • ABEV3 R$ 14,10 0.57
  • AERI3 R$ 3,85 5.77
  • AESB3 R$ 10,95 2.34
  • AGRO3 R$ 30,96 0.72
  • ALPA4 R$ 20,80 1.66
  • ALSO3 R$ 19,47 2.42
  • ALUP11 R$ 27,24 1.64
  • AMAR3 R$ 2,48 2.90
  • AMBP3 R$ 31,15 3.66
  • AMER3 R$ 24,11 2.73
  • AMZO34 R$ 66,30 -0.51
  • ANIM3 R$ 5,55 1.83
  • ARZZ3 R$ 79,40 -2.41
  • ASAI3 R$ 16,00 0.25
  • AZUL4 R$ 21,94 3.98
  • B3SA3 R$ 12,15 0.91
  • BBAS3 R$ 38,56 4.22
Abra sua conta no BTG

5 smartphones que marcaram a história da LG

A fabricante sul-coreana desistiu do mercado de celulares, mas alguns de seus dispositivos fizeram história; confira seleção
LG: sul-coreana desistiu do segmento de celulares após perdas bilionárias (Getty Images/Igor Golovniov/SOPA Images/LightRocket via Getty Images))
LG: sul-coreana desistiu do segmento de celulares após perdas bilionárias (Getty Images/Igor Golovniov/SOPA Images/LightRocket via Getty Images))
Por Lucas AgrelaPublicado em 05/04/2021 05:55 | Última atualização em 05/04/2021 11:27Tempo de Leitura: 3 min de leitura

A sul-coreana LG anunciou o fim da sua visião de celulares nesta segunda-feira (5). A área perdeu bilhões de dólares nos últimos seis anos e a empresa decidiu deixar o setor visando uma melhora na saúde financeira. Ao longo da sua história, a LG lançou dezenas de celulares no Brasil e no mundo e alguns deles marcaram época, seja pela inovação ou pelo volume de vendas. Veja, a seguir, a seleção de EXAME dos dispositivos da LG que fizeram parte da história do mercado global de celulares.

LG Cookie

LG Cookie

(LG/Divulgação)

 

O LG K9570 Cookie foi uma febre no mercado brasileiro quando ele foi lançado em 2009, custando cerca de 400 reais. O aparelho possuía uma tela sensível ao toque que funcionava prioritariamente com a interação por uma caneta inteligente. O sistema operacional não era o Android adotado pela LG anos mais tarde em seus smartphones. Portanto, a oferta de aplicativos para o dispositivo era limitada.

LG G5

smartphone-lg-g5-se

(Lucas Agrela/Site Exame)

O LG G5 foi um smartphone com sistema Android que chegou na onda dos acessórios mirabolantes. O movimento era inspirado no Phonebloks, um projeto open-source de celular modular, que poderia ter peças trocadas para montar um produto personalizado. O G5 não chegava a tanto, mas permitia o uso de acessórios, como uma câmera digital, uma câmera que filmava em 360 graus e um alto-falante mais forte do que o que já equipava o dispositivo.

LG G4

LG G4

LG G4 (Divulgação/LG/Divulgação)

O LG G4 foi um dispositivo topo de linha lançado em 2015. Seu principal destaque era a tela, que tinha um display com revestimento de pontos quânticos para melhorar a fidelidade de cores. A tecnologia foi logo adotada pela concorrente Samsung em TVs do segmento de luxo.

LG G8X Dual Screen

LG G8X ThinQ Dual Screen

LG: smartphone Android G8X ThinQ Dual Screen tem duas telas e três câmeras (LG/Divulgação)

Na onda dos celulares com telas dobráveis, como o Samsung Galaxy Fold, a LG surfou de outra maneira: a fabricante lançou um acessório para o seu aparelho topo de linha LG G8 que dava a ele uma segunda dela. Como um flip, o aparelho se fechava lateralmente.

LG Wing

(LG/Reprodução)

No começo de 2021, a LG anunciou o LG Wing, seu último esforço para impulsionar a divisão de smartphones por meio da inovação. O diferencial do aparelho era o fato de ele ser giratório. O LG Wing tinha apelo para a produtividade. O aparelho permitia ver as notificações na parte de baixo da tela, enquanto outro aplicativo seja executado na parte de cima, como um vídeo, por exemplo. O produto também permitia realizar qualquer outra tarefa na primeira tela, mesmo quando o usuário estiver em uma ligação de áudio ou vídeo na outra tela. A tela do celular girava 90 graus em sentido horário para permitir o uso multitarefa.