Banrisul abre edital para startups com faturamento de até R$ 4,8 milhões

Serão selecionadas até 30 startups, que podem ser de todo o Brasil e precisam ter potencial de escala
Startups: empreendedores terão acesso à rede de executivos do Banrisul e mentorias (Ilustração/Getty Images)
Startups: empreendedores terão acesso à rede de executivos do Banrisul e mentorias (Ilustração/Getty Images)
V
Victor Sena

Publicado em 09/02/2022 às 14:55.

Última atualização em 09/02/2022 às 15:09.

O Brasil fechou 2021 com 13,7 mil startups ativas, concentradas em sua maioria em estados do Sul e do Sudeste, conforme pesquisa da Associação Brasileira de Startups.

Para estimular esses negócios, o banco Banrisul abriu, nesta quarta-feira, 9, o edital de seu segundo ciclo de aceleração para jovens empresas, com abrangência nacional: o BanriTech. O programa é destinado a startups com faturamento anual de até R$ 4,8 milhões.

A iniciativa é destinada a startups com produtos que atendam às seguintes verticais: serviços financeiros, agronegócios, relacionamento com clientes e empresas, eficiência operacional, segurança da informação e governos.

As empresas selecionadas serão confirmadas no dia 4 de abril, após o processo de avaliação, o prazo destinado para recursos e onboarding.

O lançamento do segundo ciclo será no dia 5 de abril e a divulgação das três grandes vencedoras ocorre em um Pitch Day, no dia 28 de setembro. O programa conta com assessoria técnica do Parque Científico e Tecnológico da PUCRS (Tecnopuc).

Serão selecionadas até 30 startups. O prazo de inscrições segue até 13 de março. O edital e o regulamento estão disponíveis neste link.

Regulamento

Podem se inscrever no edital empresas estabelecidas com registro CNPJ de diferentes localidades nacionais, que tenham propostas inovadoras em produtos ou serviços e com potencial de escala.

As startups terão acesso à rede de executivos do Banrisul e Tecnopuc (organizadores), mentorias exclusivas com os tomadores de decisão, além de ter acesso à rede de mentores composta de especialistas do mercado.

A startup deve disponibilizar pelo menos um membro da equipe para participar assiduamente dos encontros, mentorias, consultorias e reuniões propostas pelo programa de aceleração.