Negócios

Vendas da Hering crescem 41,9% no último trimestre de 2010

Receita bruta cresceu 41,6% no período em relação ao quarto trimestre de 2009

Hering: vendas no critério "mesmas lojas" (considera apenas as lojas com no mínimo 12 meses de operação) cresceram 20,6%  (Germano Lüders/EXAME)

Hering: vendas no critério "mesmas lojas" (considera apenas as lojas com no mínimo 12 meses de operação) cresceram 20,6% (Germano Lüders/EXAME)

DR

Da Redação

Publicado em 14 de janeiro de 2011 às 09h59.

São Paulo - A Hering apresentou hoje alguns de seus resultados referentes à 2010. A empresa obteve, no último trimestre do ano, um crescimento de 41,6% na receita bruta total comparado ao quarto trimestre de 2009. Neste trimestre, as vendas totais da rede Hering Store cresceram 41,9 %,  sendo 20,6% no critério "mesmas lojas" (considera apenas as lojas com no mínimo 12 meses de operação) em comparação ao mesmo período do ano anterior.

A Hering encerrou o quarto trimestre com 347 lojas Hering Store, sendo 43 próprias. Da marca PUC foram 78 lojas, sendo seis próprias. Além disso, em linha com os planos de reposicionamento das outras marcas, a empresa inaugurou duas lojas próprias Hering Kids e uma loja exclusiva da marca Dzarm., todas na cidade de São Paulo.

Acompanhe tudo sobre:América Latinabens-de-consumoCalçadosDados de BrasilEmpresasgestao-de-negociosHeringIndústriaResultadoRoupasTêxteisVarejo

Mais de Negócios

Após falharem em 15 projetos, eles criaram uma startup de logística que está recebendo R$ 12 milhões

11 franquias baratas para trabalhar sem funcionários a partir de R$ 2.850

Inteligência Artificial no Brasil: inovação, potencial e aplicações reais das novas tecnologias

Mundo sem cookies: as big techs estão se adequando a uma publicidade online com mais privacidade

Mais na Exame