Negócios

Trump elogia Ford e Fiat Chrysler por investimentos nos EUA

Ford fará investimentos de US$ 700 milhões ao longo de quatro anos e a Fiat Chrysler investirá US$ 1 bilhão e anunciou a criação de 2 mil empregos

Donald Trump: presidente eleito dos EUA cumprimentou montadoras após anúncio de investimentos nos Estados Unidos (Shannon Stapleton/File Photo/Reuters)

Donald Trump: presidente eleito dos EUA cumprimentou montadoras após anúncio de investimentos nos Estados Unidos (Shannon Stapleton/File Photo/Reuters)

R

Reuters

Publicado em 9 de janeiro de 2017 às 14h48.

Última atualização em 9 de janeiro de 2017 às 14h49.

Detroit - O presidente-eleito dos Estados Unidos, Donald Trump, elogiou Ford e Fiat Chrysler nesta segunda-feira por anunciarem novos investimentos no país após ele fez da produção norte-americana de veículos parte importante de sua campanha.

A Ford anunciou na semana passada que vai abandonar planos para construir uma fábrica de 1,6 bilhão de dólares no México e que vai investir 700 milhões ao longo de quatro anos em numa planta no Estado norte-americano de Michigan. No domingo, a Fiat Chrysler anunciou que vai investir 1 bilhão de dólares e criar 2 mil empregos em fábricas do grupo em Ohio e Michigan que vão montar um novo utilitário esportivo e picapes.

Ambas as companhias disseram que tomaram as decisões por razões de negócios e não por causa da pressão de Trump, mas elogiaram o presidente-eleito por buscar melhoria no ambiente para empresas operarem nos EUA.

O presidente-executivo da Fiar Chrysler, Sergio Marchionne, disse que a decisão estava sendo trabalhada pela empresa há tempos e que o anúncio coincidiu com a mensagem de Trump na semana passada que criticou a montadora ítalo-americana.

Questionado sobre tarifas que Trump tem ameaçado impor sobre veículos do México e de outros países importados, Marchionne afirmou no salão do automóvel de Detroit nesta segunda-feira que é "bem possível" que tarifas pesadas sobre importações mexicanas poderão forçar a montadora a fechar fábricas no México.

Trump, um republicano e magnata do setor imobiliário, também criticou a Toyota na semana passada por mudar produção do modelo Corolla do Canadá para o México. A empressa disse que não haverá impacto sobre empregos nos EUA devido à decisão.

"Finalmente está acontecendo, a Fiat Chrysler anunciou planos para investir 1 bilhão de dólares em Michigan e Ohio, acrescentando 2 mil empregos", escreveu Trump no Twitter nesta segunda"A Ford na semana passada disse que vai expandir em Michigan e nos EUA em vez de construir uma fábrica de bilhão no México. Obrigado Ford & Fiat Chyrsler)", acrescentou.

Acompanhe tudo sobre:ChryslerDonald TrumpEstados Unidos (EUA)FordMontadoras

Mais de Negócios

Inteligência Artificial no Brasil: inovação, potencial e aplicações reais das novas tecnologias

Mundo sem cookies: as big techs estão se adequando a uma publicidade online com mais privacidade

Ligadona em você: veja o que aconteceu com a Arapuã, tradicional loja dos anos 1990

A empresa inglesa que inventou a retroescavadeira vai investir R$ 500 milhões no Brasil — veja onde

Mais na Exame