Acompanhe:
seloNegócios

Three Gorges assume participação de 21,35% na EDP

Empresa passa a ser o maior acionista da companhia energética portuguesa

Modo escuro

Continua após a publicidade
A empresa portuguesa é um dos maiores operadores energéticos da Península Ibérica (Getty Images)

A empresa portuguesa é um dos maiores operadores energéticos da Península Ibérica (Getty Images)

S
Sérgio Gonçalves

Publicado em 11 de maio de 2012 às, 08h35.

Lisboa - A China Three Gorges assume a partir desta sexta-feira a participação de 21,35 por cento na Energias de Portugal (EDP), passando a ser o maior acionista da companhia energética portuguesa.

A empresa de Portugal adiantou que, consequentemente, a holding Parpública reduziu sua participação qualificada na EDP dos 25,49 por cento do capital e dos direitos a voto para 4,14 por cento.

A privatização da EDP, em dezembro de 2011, foi o ponto inicial de um vasto programa de privatizações com o qual Portugal se comprometeu, após resgate pela União Europeia e pelo Fundo Monetário Internacional.

A Three Gorges pagou 2,693 bilhões de euros pela fatia na EDP, com prêmio de 54 por cento, e mais 2 bilhões de euros para a empresa chinesa comprar posições minoritárias em parques eólicos da EDP, assim como o compromisso de bancos chineses de abrirem uma linha de financiamento de 2 bilhões de euros.

A empresa portuguesa é um dos maiores operadores energéticos da Península Ibérica, controlando a Energias do Brasil e a quarta maior eólica do mundo, a EDP Renováveis.

Últimas Notícias

Ver mais
Como a Casa do Construtor fatura R$ 834 milhões alugando de furadeiras a betoneiras
seloNegócios

Como a Casa do Construtor fatura R$ 834 milhões alugando de furadeiras a betoneiras

Há 15 horas

Em negócio de R$ 20 milhões, empresa de SP compra startup para agilizar comércio no exterior
seloNegócios

Em negócio de R$ 20 milhões, empresa de SP compra startup para agilizar comércio no exterior

Há 22 horas

29% das empresas brasileiras fecham nos primeiros 5 anos; veja como a IA pode mudar essa realidade
seloNegócios

29% das empresas brasileiras fecham nos primeiros 5 anos; veja como a IA pode mudar essa realidade

Há um dia

Em expansão no Brasil, Globant é classificada como marca de TI com crescimento mais rápido do mundo
seloNegócios

Em expansão no Brasil, Globant é classificada como marca de TI com crescimento mais rápido do mundo

Há um dia

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais