Negócios

Société Générale lucra 836 milhões de euros no 3º trimestre

O resultado é 57% maior do que o registrado no mesmo período no ano passado


	Logo do Société Générale: a receita do banco no 3º trimestre aumentou 4%
 (Loic Venance/AFP)

Logo do Société Générale: a receita do banco no 3º trimestre aumentou 4% (Loic Venance/AFP)

DR

Da Redação

Publicado em 6 de novembro de 2014 às 08h16.

Paris - O banco francês Société Générale informou, nesta quinta-feira, que obteve lucro líquido de 836 milhões de euros (US$ 1,04 bilhão) no terceiro trimestre deste ano, um resultado 57% maior do que o registrado no mesmo período no ano passado.

O terceiro maior banco da França por ativos afirmou que o bom desempenho foi impulsionado pela redução de provisões contra empréstimos ruins e riscos de litígio.

A receita do banco no terceiro trimestre aumentou 4% para 5,87 bilhões de euros. Excluindo-se itens não recorrentes, no entanto, a receita entre julho e setembro recuou 2%.

O balanço do Société Générale continuou sentido os efeitos das baixas taxas de juros, que estão afetando todo o mercado financeiro global, e da exposição do banco ao cenário econômico na Rússia, onde controla o credor local Rosbank.

Embora a subsidiária russa corresponda a apenas 5% da sua receita, o Société Générale já teve grandes ambições para sua atuação no país, apostando que o Rosbank ajudaria a impulsionar o crescimento da Europa, assim como se esforçou para sair da crise financeira.

O Société Générale foi aprovado no teste de estresse feito pelo Banco Central Europeu (BCE) no mês passado. Os resultados mostraram que, mesmo com a economia europeia deteriorada, o banco francês teria capital suficiente para arcar com eventuais perdas. Fonte: Dow Jones Newswires.

Acompanhe tudo sobre:BancosEmpresas francesasFinançasLucroSociété Générale

Mais de Negócios

Shopee ultrapassa Amazon e se torna segundo e-commerce mais acessado do Brasil em maio; veja a lista

Por que a Cimed está disposta a pagar R$ 450 milhões pela Jequiti

Com solução para quem enfrenta o câncer, a Oncoclínicas&Co é eleita uma das Melhores do ESG

Empresa do Paraná que ajuda na cobrança de dívidas compra startup de Natal e mira R$ 100 milhões

Mais na Exame