Acompanhe:
seloNegócios

São Martinho lucra R$ 116,8 mi no 2º trimestre, alta de 194,6%

A moagem de cana-de-açúcar aumentou 6,8% ante o mesmo período da temporada anterior, informou a empresa nesta segunda-feira

Modo escuro

Continua após a publicidade
São Martinho: a produção de açúcar somou 504 mil tonelada (Rickey Rogers/Reuters/Reuters)

São Martinho: a produção de açúcar somou 504 mil tonelada (Rickey Rogers/Reuters/Reuters)

R
Roberto Samora, da Reuters

Publicado em 14 de agosto de 2017 às, 19h56.

São Paulo - A moagem de cana-de-açúcar pela São Martinho, um dos maiores grupos do setor sucroalcooleiro do Brasil, totalizou 8,7 milhões de toneladas no primeiro trimestre do ano-safra 2017/18, aumento de 6,8 por cento ante o mesmo período da temporada anterior, informou a empresa nesta segunda-feira.

Em meio ao aumento da produção e maiores preços de açúcar, o lucro líquido no período somou 116,873 milhões de reais, alta de 194,6 por cento ante o mesmo período do ano anterior.

O volume de cana moída representou 39 por cento do total estimado para a temporada, "apesar do forte volume de chuvas observado no início da safra", segundo a São Martinho.

"A combinação da maior quantidade de cana processada neste trimestre com a melhora em 2,2 por cento no ATR (Açúcar Total Recuperável) médio (kgs/ton) representou um aumento de 9 por cento no volume total de ATR produzido no trimestre", destacou a São Martinho.

"Esse efeito positivo em nossa produção reflete melhores condições climáticas no período, além da consolidação integral da Boa Vista em nossos resultados", acrescentou a empresa, em relatório sobre o balanço financeiro do período.

A produção de açúcar da São Martinho somou 504 mil toneladas, aumento de 5,1 por cento na comparação anual, enquanto a fabricação de etanol anidro atingiu 159 milhões de litros (+3,2 por cento) e a de hidratado 170 milhões de litros (+24,7 por cento).

A companhia reportou ainda aumento de 22,3 por cento na receita líquida no período, para 867,9 milhões de reais.

A melhora do resultado reflete, principalmente, maior volume de vendas de açúcar (+13,0 por cento), com melhor preço de comercialização (+26,2 por cento) e maior volume de vendas de energia (+12,9 por cento), reflexo da incorporação da Usina Boa Vista, disse a empresa.

A receita líquida das vendas de açúcar totalizou 552,7 milhões de reais, um aumento de 42,7 por cento em relação ao mesmo período da safra anterior.

Últimas Notícias

Ver mais
"Novo chamado": com R$ 1 bi em receita, francesa compra negócio no Brasil para ser a TI das empresas
seloNegócios

"Novo chamado": com R$ 1 bi em receita, francesa compra negócio no Brasil para ser a TI das empresas

Há 8 horas

Jensen Huang, fundador da Nvidia, fica R$ 41,5 bilhões mais rico em menos de 24 horas
seloNegócios

Jensen Huang, fundador da Nvidia, fica R$ 41,5 bilhões mais rico em menos de 24 horas

Há 11 horas

Chega de teoria: veja, na prática, como criar um negócio do zero utilizando ferramentas de IA
seloNegócios

Chega de teoria: veja, na prática, como criar um negócio do zero utilizando ferramentas de IA

Há 14 horas

Goldman Sachs lidera aporte de US$ 55 mi em Simetrik, startup que tem Brasil como pilar de expansão
seloNegócios

Lego do acerto de contas, Simetrik capta US$ 55 mi para avançar no Brasil

Há 16 horas

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais