Acompanhe:
seloNegócios

Proposta de bônus dificulta venda de unidade da Toshiba

SK Hynix propôs financiar o consórcio escolhido como favorito na disputa pela unidade de chips de memória da Toshiba via bônus conversíveis

Modo escuro

Continua após a publicidade
Toshiba: estratégia da SK Hynix contraria afirmações da Toshiba de que a rival sul-coreana não teria ações ou influência na gestão da unidade de chips (Reuters/Reuters)

Toshiba: estratégia da SK Hynix contraria afirmações da Toshiba de que a rival sul-coreana não teria ações ou influência na gestão da unidade de chips (Reuters/Reuters)

S
Se Young Lee e Kentaro Hamada, da Reuters

Publicado em 3 de julho de 2017 às, 11h12.

Seul / Tóquio - A SK Hynix propôs financiar o consórcio escolhido como favorito na disputa pela unidade de chips de memória da Toshiba via bônus conversíveis, disseram duas fontes, colocando a empresa no caminho para ter uma participação acionária na segunda maior produtora de chips NAND do mundo.

Mas tal estratégia contraria afirmações da Toshiba de que a rival sul-coreana não teria ações ou influência na gestão da unidade de chips avaliada em 18 bilhões de dólares -uma demanda do governo japonês que deseja que o negócio permaneça sob controle do país, mantendo a tecnologia fora das mãos de rivais estrangeiros.

A possibilidade da SK Hynix deter ações também reforçaria a oposição por parte da Western Digital, parceiro de negócios da Toshiba na divisão de chips, que busca na justiça impedir qualquer acordo sem o seu consentimento.

A SK Hynix faz parte de um consórcio liderado pelo governo japonês, que também inclui a Bain Capital, que foi constituído no mês passado pelo Ministério de Comércio do Japão. Embora tenha o aval implícito o governo japonês, a estrutura incomum da oferta levantou dúvidas sobre a viabilidade do acordo.

"Novos detalhes surgindo na mídia como os bônus conversíveis sugerem que pode haver algumas falhas no esquema. A Toshiba agora deve explicar a estrutura exata", disse Masahiko Ishino, analista da Tokai Tokyo Research Center. "Chegar a um acordo agora parece difícil", acrescentou.

Últimas Notícias

Ver mais
Porto tem trimestre acima do consenso; Kakinoff quer manter ritmo de crescimento
Exame IN

Porto tem trimestre acima do consenso; Kakinoff quer manter ritmo de crescimento

Há 12 horas

Na WEG, a falácia da baixa rentabilidade fora do Brasil
Exame IN

Na WEG, a falácia da baixa rentabilidade fora do Brasil

Há 16 horas

CEO da Alliança renuncia e Isabella Tanure assume comando
Exame IN

CEO da Alliança renuncia e Isabella Tanure assume comando

Há 19 horas

No resultado histórico da BRF, efeito cíclico ou mudança estrutural?
Exame IN

No resultado histórico da BRF, efeito cíclico ou mudança estrutural?

Há 21 horas

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais