Petrobras tem recorde de processamento em refinarias em 2014

Segundo a estatal, a carga total refinada no último ano foi de 2,1 milhões de barris de petróleo por dia (bpd)

Rio - A Petrobras divulgou na tarde desta segunda-feira, 26, dados consolidados das operações de refino no país em 2014, atualizando as informações com os dados de dezembro, ainda não publicados pela companhia.

Segundo a estatal, a carga total refinada no último ano foi de 2,1 milhões de barris de petróleo por dia (bpd), o que representa um aumento de 1,7% na carga processada em relação a 2013.

A estatal destacou ainda recordes mensais de março e junho, quando a carga diária processada atingiu a marca de 2,151 milhões de bpd e 2,172 milhões de bpd, respectivamente.

Até o momento, ainda não foram divulgados os dados finais da companhia sobre produção e refino no mês de dezembro, mas a estatal tem reforçado a divulgação de dados positivos em comunicados diários à imprensa.

No comunicado, a Petrobras divulgou ainda o processamento de 632,7 mil bpd nas unidades de hidrotratamento de diesel, número cerca de 15% superior ao ano de 2013.

Também houve alta no processamento das unidades de craqueamento catalítico, segundo a estatal.

De acordo com a Petrobras, a melhora é atribuída ao "aumento da eficiência operacional obtido pela gestão integrada do sistema de Abastecimento, contribuindo para a redução das importações de derivados".

O desempenho também pode ser atribuído à entrada em operação da primeira etapa da Refinaria Abreu e Lima, em dezembro.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também