Oi diz que "enfrentará com tranquilidade" questionamento da Aidmin

De acordo com a empresa, a associação tenta distorcer os fatos para atacar a companhia

Rio - A Oi informou neste sábado, 12, por meio de nota, que enfrentará com tranquilidade qualquer questionamento da Associação dos Investidores Minoritários do Brasil (Aidmin) e tomará as medidas necessárias para proteger sua reputação.

De acordo com a empresa, a associação tenta distorcer os fatos para atacar a companhia e desrespeitar as determinações da Justiça.

A Aidmin anunciou na sexta-feira, 11, que entrará com uma ação coletiva nos Estados Unidos contra a gestão da empresa. Além disso, apresentou reclamação na SEC, o órgão que fiscaliza as companhias abertas no mercado americano, e entrou com pedido de acordo de leniência na Controladoria Geral da União (CGU).

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.