Negócios

Oi diz que "enfrentará com tranquilidade" questionamento da Aidmin

De acordo com a empresa, a associação tenta distorcer os fatos para atacar a companhia

 (Oi/Divulgação)

(Oi/Divulgação)

EC

Estadão Conteúdo

Publicado em 12 de maio de 2018 às 17h26.

Rio - A Oi informou neste sábado, 12, por meio de nota, que enfrentará com tranquilidade qualquer questionamento da Associação dos Investidores Minoritários do Brasil (Aidmin) e tomará as medidas necessárias para proteger sua reputação.

De acordo com a empresa, a associação tenta distorcer os fatos para atacar a companhia e desrespeitar as determinações da Justiça.

A Aidmin anunciou na sexta-feira, 11, que entrará com uma ação coletiva nos Estados Unidos contra a gestão da empresa. Além disso, apresentou reclamação na SEC, o órgão que fiscaliza as companhias abertas no mercado americano, e entrou com pedido de acordo de leniência na Controladoria Geral da União (CGU).

Acompanhe tudo sobre:acionistas-minoritariosInvestidoresOiTelecomunicações

Mais de Negócios

OPINIÃO: Na lama da tragédia, qual política devemos construir?

Conheça a Rota das Artes, o novo roteiro turístico de Minas Gerais

Fabricio Bloisi deixa operação do iFood para assumir comando de grupo de investimentos Prosus

Conheça a CEO que nunca descansa, nem cobra salário – isso porque ela é uma inteligência artificial

Mais na Exame