Acompanhe:
seloNegócios

Nokia tem baixa perspectiva para resultados do 4º trimestre

Se o resultado se confirmar, representará uma queda de 33% em relação à receita do segmento registrada no mesmo período de 2011

Modo escuro

Continua após a publicidade

	Nokia: expectativa é encerrar o trimesntre com receita de 2,5 bilhões de euros e venda de 79,6 milhões de aparelhos celulares; queda de 16% e 14%, respectivamente
 (Stefan Puchner/AFP)

Nokia: expectativa é encerrar o trimesntre com receita de 2,5 bilhões de euros e venda de 79,6 milhões de aparelhos celulares; queda de 16% e 14%, respectivamente (Stefan Puchner/AFP)

D
Da Redação

Publicado em 10 de janeiro de 2013 às, 14h47.

São Paulo - A Nokia anunciou nesta quinta-feira, 10, os resultados premliminares do quarto trimestre de 2012, estimando receita de 3,9 bilhões de euros na unidade de dispositivos e serviços, com a venda de 86,3 milhões de unidades de dispositivos.

Se o resultado se confirmar, representará uma queda de 33% em relação à receita do segmento registrada no mesmo período de 2011, de 5,9 bilhões de euros, e um recuo de 24% no volume de dispositivos vendidos em relação ao mesmo período do ano anterior.

Para a área de celulares, a expectativa é encerrar o trimesntre com receita de 2,5 bilhões de euros e venda de 79,6 milhões de aparelhos; queda de 16% e 14%, respectivamente, em relação ao quarto trimestre de 2011.

A receita da área de dispositivos intelgentes também deve sofrer uma diminuição, de 55%, totalizando 1,2 bilhão de euros, com o total de 6,6 milhões de unidades vendidas no período, declínio de 66%. Já a área de aluguel e comércio de produtos permanece com receita estável de 300 milhões de euros, declínio de 1,9% em relação ao quarto trimestre do ano anterior.

As perspectivas para a receita da joint-venture Nokia Siemens Networks são melhores, com a cifra de 4 bilhões de euros, 5,2% acima dos 3,8 bilhões de euros contabilizados no quarto trimestre de 2011.

Na avaliação do CEO da Nokia, Stephen Elop, o quarto trimestre de 2012 foi "sólido" e superou as expectativas com a entrega de rentabilidade subjacente na área de dispositivos e serviços e na unidades Nokia Siemens Networks.


“Estamos focados em nossas prioridades e, como resultado, vendemos um total de 14 milhões de smartphones Asha e smartphones Lumia, enquanto gerenciamos nossos custos de forma eficiente, e a Nokia Siemens Networks obteve mais um trimestre muito bom", complementou em comunicado à imprensa.

Para os três primeiros meses de 2013, a companhia adiantou que a dinâmica competitiva da indústria afetará negativamente os negócios de dispositivos inteligentes e de celulares. Além disso, a Nokia espera um trimestre sazonalmente fraco, que deverá impactar a rentabilidade subjacente da Nokia Siemens Networks em comparação ao quarto trimestre de 2012.

A empresa também planeja reduções de custo em um programa de reestruturação da área de dispositivos e serviços e acredita que o ambiente macroeconômico impactará suas margens de forma negativa.

Os resultados definitivos do quarto trimestre serão divulgados em 24 de janeiro.

Últimas Notícias

Ver mais
Biomm vai trazer similar do Ozempic ao Brasil; ação dispara 38%
Exame IN

Biomm vai trazer similar do Ozempic ao Brasil; ação dispara 38%

Há 16 horas

Quem poderia levar os hospitais da Dasa? O Itaú BBA tem seu palpite
Exame IN

Quem poderia levar os hospitais da Dasa? O Itaú BBA tem seu palpite

Há um dia

Nubank aumenta aposta e aporta US$ 100 milhões na operação do México
Exame IN

Nubank aumenta aposta e aporta US$ 100 milhões na operação do México

Há um dia

CVC Capital Partners quer captar US$ 1,33 bilhão em IPO – se o Oriente Médio deixar
Exame IN

CVC Capital Partners quer captar US$ 1,33 bilhão em IPO – se o Oriente Médio deixar

Há 2 dias

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais