Negócios

Governo abre crédito de R$ 1 bi para a Petrobras e estatais

Planejamento abriu crédito suplementar de R$ 1,136 bilhão para oito estatais, mas maior parte vai ficar com a Petrobras

Petrobras: empresa vai ficar com a maior fatia do crédito, de mais de R$ 1 bilhão (Paulo Whitaker/Reuters)

Petrobras: empresa vai ficar com a maior fatia do crédito, de mais de R$ 1 bilhão (Paulo Whitaker/Reuters)

EC

Estadão Conteúdo

Publicado em 9 de dezembro de 2016 às 11h27.

Brasília - O Ministério do Planejamento abriu R$ 1,136 bilhão de crédito suplementar ao Orçamento de Investimento de oito estatais, conforme portaria publicada no Diário Oficial da União (DOU).

As empresas atendidas são Petrobras, Celg Distribuidora, Eletroacre, Banco do Nordeste, Ativos S.A. - Securitizadora de Créditos Financeiros, Companhia Docas do Espírito Santo (Codesa), Companhia Docas do Rio de Janeiro (CDRJ) e Companhia Integrada Têxtil de Pernambuco (Citepe).

A maior parte do recurso ficará com Petrobras, em um total de R$ 1,053 bilhão. Celg receberá $ 62,2 milhões e o Banco do Nordeste, R$ 7,8 milhões.

Acompanhe tudo sobre:Banco do NordesteCelgEmpresas estataisMinistério do PlanejamentoPetrobras

Mais de Negócios

Inteligência Artificial no Brasil: inovação, potencial e aplicações reais das novas tecnologias

Mundo sem cookies: as big techs estão se adequando a uma publicidade online com mais privacidade

Ligadona em você: veja o que aconteceu com a Arapuã, tradicional loja dos anos 1990

A empresa inglesa que inventou a retroescavadeira vai investir R$ 500 milhões no Brasil — veja onde

Mais na Exame