Negócios
Apresentado por LOG

Entenda o crescimento na busca por galpões logísticos de alto padrão

Movimento Flight to Quality responde por 40% das novas locações da Log, uma das maiores desenvolvedoras de condomínios classe A do país

Sede da Log: presente em 38 cidades, a empresa oferece 1,2 milhão de metros quadrados de área bruta locável (LOG/Divulgação)

Sede da Log: presente em 38 cidades, a empresa oferece 1,2 milhão de metros quadrados de área bruta locável (LOG/Divulgação)

e

exame.solutions

Publicado em 6 de fevereiro de 2023 às 08h00.

O segmento de condomínios logísticos de alta qualidade, chamados de classe A, vem se destacando muito no Brasil. Um dos motivos é o avanço do e-commerce, que teve forte aceleração durante a pandemia e deve continuar crescendo a uma taxa anual superior a 20% nos próximos anos. Varejistas e plataformas de comércio eletrônico estão entre os principais clientes desse tipo de empreendimento.

Mas o desempenho reflete também o aumento do número de empresas que decidem migrar sua logística para esses condomínios em busca de maior eficiência. Esse movimento, conhecido como Flight to Quality, tem sido fundamental para a expansão da Log, uma das maiores desenvolvedoras e locadoras de galpões de alto padrão do Brasil.

Fundada em 2008, a companhia está presente hoje em 38 cidades e 17 estados mais o Distrito Federal e cresce em ritmo acelerado. Somente nos primeiros nove meses de 2022, a Log disponibilizou ao mercado mais 415 mil metros quadrados de área bruta locável, elevando o seu espaço total para 1,2 milhão de metros quadrados.

Com sete novas obras em andamento, deverá entregar outros 500 mil metros quadrados até o final de 2023. Mesmo construindo galpões nessa velocidade, registra hoje uma taxa de vacância de apenas 1,7%, bem inferior à média de 10% do setor de galpões locáveis como um todo.

Os planos de expansão da Log são orientados pelas necessidades dos clientes atuais, que representam cerca de 60% da demanda pelos novos espaços, e pelas oportunidades identificadas em todo o país. O movimento Flight to Quality responde por aproximadamente 40% das novas locações.

Vantagens dos galpões em condomínios

Segundo André Vitória, CFO da Log, os condomínios da empresa oferecem várias vantagens em relação aos espaços de armazenagem tradicionais, que se traduzem em redução de custos, aumento de segurança, maior sustentabilidade ambiental e melhores condições de trabalho.

Instalados em locais estratégicos das cidades, os condomínios da Log oferecem galpões modulares com área a partir de 1 mil metros quadrados, pé-direito de 12 metros, que favorece a eficiência vertical, bom aproveitamento da luz natural e iluminação de LED, condições que diminuem os gastos com energia.

O piso, nivelado a laser, facilita a movimentação de mercadorias e reduz acidentes como o tombamento de empilhadeiras. Os condomínios possuem portaria blindada com funcionamento 24 horas por dia e circuito fechado de TV, características que contribuem para a redução de despesas com seguro.

O compartilhamento dos gastos com as instalações de uso comum, como portaria, manutenção, refeitório, vestiário e jardinagem, entre todos os usuários também acaba reduzindo os custos. Os galpões oferecem ainda estacionamento interno e externo, amplo pátio de manobra para carretas, área de descanso, copa e banheiros para motoristas. E a Log cuida da gestão de todos esses serviços.

Segundo o CFO da empresa, esse conjunto de comodidades e benefícios explica a intensidade do movimento Flight to Quality. “Quando o cliente faz a conta de todas essas eficiências, descobre que sai mais barato instalar a sua logística em um condomínio classe A do que manter um galpão isolado”, afirma André Vitória.

Onde se concentram os galpões logísticos?

Em todo o país, de acordo com o CFO, existem cerca de 170 milhões de metros quadrados de área locável em galpões logísticos. Cerca de 80% desse total concentra-se nos estados de São Paulo e Rio de Janeiro e apenas 10% são empreendimentos classe A. “As oportunidades de crescimento são enormes”, observa o CFO da Log, única do setor com atuação nacional.

Os condomínios da empresa atendem as principais redes de e-commerce que atuam no país, incluindo Amazon, Mercado Livre, Via Varejo e Magalu. E abrigam clientes de muitos outros segmentos, como farmacêutico, alimentos e bebidas, siderurgia, têxtil e automotivo.

Acompanhe tudo sobre:branded-content

Mais de Negócios

Os engenheiros da saúde: como essa startup quer evitar perdas financeiras nos hospitais

IBM aposta em padrões abertos para incentivar o uso em escala da IA

Como a Renova Invest se mantém entre as melhores assessorias há 5 anos

Para além da Heineken na hora do aperto: o Rappi Turbo quer virar o seu próximo mercadinho de bairro

Mais na Exame