Fiat Chrysler tem prejuízo de 1,7 bi de euros no 1° tri com coronavírus

No mesmo período do ano anterior, a companhia teve lucro líquido de 508 milhões de euros

A Fiat Chrysler disse nesta terça-feira que teve um prejuízo líquido no primeiro trimestre como consequência da crise desencadeada pela pandemia de coronavírus.

"A pandemia teve e continua a ter um impacto significativo em nossas operações", afirmou a Fiat Chrysler (FCA) no balanço.

A montadora ítalo-americana disse que o prejuízo líquido com operações continuadas foi de 1,69 bilhão de euros no primeiro trimestre deste ano. No mesmo período do ano anterior, a companhia teve lucro líquido de 508 milhões de euros.

A FCA afirmou que devido à incerteza contínua relacionada à pandemia retirou previsões de resultado para o ano.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.