Negócios

Duratex fecha fábrica de painéis e vende ativos florestais em São Paulo

Segundo a companhia, as decisões devem gerar lucro líquido de cerca de 230 milhões de reais, com impacto no caixa de aproximadamente 450 milhões

Duratex: empresa fechará fábrica de painéis de madeira em Botucatu, interior de São Paulo (*/Divulgação)

Duratex: empresa fechará fábrica de painéis de madeira em Botucatu, interior de São Paulo (*/Divulgação)

R

Reuters

Publicado em 18 de setembro de 2019 às 18h45.

São Paulo - A Duratex anunciou nesta quarta-feira que vai fechar a fábrica de painéis de madeira em Botucatu, no interior de São Paulo, que estava paralisada desde novembro de 2018. A companhia também anunciou venda de imóveis rurais e de ativos florestais na região central do Estado.

Segundo a companhia, as decisões devem gerar lucro líquido extraordinário de cerca de 230 milhões de reais, com impacto no caixa de aproximadamente 450 milhões.

A venda dos ativos foi acertada para Bracell Celulose e Turvino Participações, informou a companhia, sem dar detalhes sobre os ativos.

"A Duratex reforça sua estratégia de foco nas operações com maior produtividade e eficiência, melhor uso do capital, bem como seu compromisso com seus acionistas de priorizar sua rentabilidade e de preparar a companhia para desafios futuros", afirmou a companhia em comunicado ao mercado.

Segundo a Duratex, o fechamento da fábrica em Botucatu não implicará descontinuidade de fornecimento de produtos diante da capacidade instalada em outras unidades industriais do grupo.

 

Acompanhe tudo sobre:DuratexEmpresasLucroMadeiraVendas

Mais de Negócios

Tem dinheiro para receber na justiça? Esta startup levantou R$ 7,5 milhões para acelerar processos

Volvo transfere fábrica de carros elétricos da China para a Bélgica

Na peleia: mesmo com a enchente, gaúcha Docile mantém planos e abre sua primeira loja de doces em SP

Ela se demitiu aos 52 anos para empreender. Hoje é uma das mulheres mais ricas dos EUA

Mais na Exame