Dona do KFC e Pizza Hut no Brasil projeta abrir até 70 lojas em 2022

Anúncio ocorre após previsões para fechamento de "lojas de baixa performance" prejudicar balanço do quarto trimestre
KFC: uma das marcas da IMC (KFC/Divulgação)
KFC: uma das marcas da IMC (KFC/Divulgação)
Por Da RedaçãoPublicado em 09/04/2022 14:41 | Última atualização em 12/04/2022 10:21Tempo de Leitura: 2 min de leitura

A International Meal Company (IMC, MEAL3) projeta a abertura líquida de 50 a 70 lojas em 2022, segundo formulário de referência arquivado pela companhia na última sexta-feira, 8.  Uma das maiores redes de restaurantes da América Latina, a IMC é dona de marcas como Frango Assado e Viena e das operações da Pizza Hut e KFC no Brasil.

"Tal projeção pode ser afetada por condições macroeconômicas, dinâmicas dos mercados de atuação e diversos outros fatores que a companhia não tem controle, portanto, sujeitas a riscos e incertezas", afirmou a IMC em fato relevante.

Assine a EXAME e fique por dentro das principais notícias que afetam o seu bolso. Tudo por menos de R$ 0,37/dia.

Entre as principais variáveis para a abertura de lojas, segundo a empresa, estão a taxa de câmbio, fluxo nos shoppings centers e a inflação, que tem rodado no maior patamar desde 2003.

Em um dos setores mais afetados pelas restrições impostas pela pandemia, a companhia ainda não conseguiu voltar a dar lucro. Em 2021, o prejuízo líquido da IMC foi de R$ 80,4 milhões, sendo R$ 41,7 milhões somente no quarto trimestre.

O resultado financeiro, de acordo com a empresa, foi negativamente impactado pela alta da taxa de juros e pelo "aumento nas provisões para fechamento de lojas de baixa performance."

As ações da IMC acumulam queda de 65% desde o início da pandemia. Neste ano, os papéis subiram 26%.