Negócios

Depois de mais de 100 anos, GE vende sua maior criação: a lâmpada elétrica

A General Electric anunciou a venda para a Savant Systems da sua unidade de iluminação, a GE Lighting, responsável pela produção da lâmpada elétrica

General Electric: empresa anunciou nesta quinta-feira operação de venda da GE Lighting para a Savant Systems (Daniel Becerril/Reuters)

General Electric: empresa anunciou nesta quinta-feira operação de venda da GE Lighting para a Savant Systems (Daniel Becerril/Reuters)

DR

Da Redação

Publicado em 28 de maio de 2020 às 19h30.

Última atualização em 29 de maio de 2020 às 17h13.

A General Electric anunciou, nesta quinta-feira (29), a venda da sua unidade de iluminação, a GE Lighting, para a Savant Systems,  responsável pela produção da lâmpada elétrica. A decisão da empresa fundada por Thomas Edson há mais de 100 anos tem o objetivo de focar o negócio na venda de infraestruturas de tecnologia.

A operação foi proposta pela primeira vez em 2017, pelo então CEO Jeff Immelt. Era o início de um processo de desinvestimento da empresa. De acordo com o The Wall Street Journal, o valor da transação será de cerca de US$ 250 milhões.

Em 2019, a empresa já havia vendido sua divisão de iluminação comercial ao fundo de private equity America Industrial Partners. Três ano antes, foi realizada a venda da GE Applicances, a unidade fabricante de eletrodomésticos, para a chinesa Haier.

Agora a GE continua com os negócios de infraestrutura — direcionados para os setores de energia aviação e saúde — e com a GE Capital, sua divisão de serviços financeiros.

Acompanhe tudo sobre:GE - General Electric

Mais de Negócios

Problemas complexos estão travando a sua empresa? Veja 5 dicas para gerenciá-los

Ele vendia trufas e hoje fatura R$ 80 milhões com a maior rede de pilates da América Latina

Ronaldo pode vender clube espanhol por um quarto do valor embolsado com o Cruzeiro

Mora no exterior e quer doar recurso ao RS? Agora é possível através destas instituições financeiras

Mais na Exame