Coutinho evita falar sobre JBS antes de encontro no TCU

Presidente do BNDES não quis esclarecer os investimentos do banco na companhia

São Paulo - Questionado sobre a demanda do Tribunal de Contas da União (TCU) para esclarecer os investimentos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BDNES) na JBS, Luciano Coutinho, presidente do banco de fomento, informou ter pedido uma audiência com o ministro do TCU responsável pela auditoria, Augusto Sherman, para tratar do assunto.

Nesse contexto, ele preferiu não se posicionar sobre a demanda do TCU.

Coutinho acrescentou, em conversa com jornalistas após conferência no Instituto Ethos, que em todos os outros casos o BNDES conseguiu dar informações suficientes para que o TCU fizesse sua avaliação sobre os investimentos.

"Esperamos encontrar um caminho", disse, sem dar mais detalhes. Coutinho ainda afirmou que em todos os momentos o BNDES conseguiu se entender com o TCU, preservando o sigilo bancário, que é algo que a lei manda a instituição seguir.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.