Acompanhe:
seloNegócios

Após aporte de US$ 2,1 bi, Uber já vale mais que Ford ou GM

Entre os investidores que apostaram na companhia estariam os fundos Tiger Global Capital Management e T. Rowe Price, segundo o The Wall Street Journal

Modo escuro

Continua após a publicidade
Pessoa com camiseta do Uber usa celular (Shannon Stapleton/Reuters)

Pessoa com camiseta do Uber usa celular (Shannon Stapleton/Reuters)

L
Luísa Melo

Publicado em 1 de junho de 2016 às, 16h58.

São Paulo - Em uma nova rodada de investimentos, o Uber teria arrecadado nada menos do que 2,1 bilhões de dólares.

Entre os investidores que desembolsaram o dinheiro estariam os fundos Tiger Global Capital Management e T. Rowe Price, segundo o The Wall Street Journal.

Com esse aporte, o aplicativo de transporte, que é uma empresa fechada, chegaria a valer entre 62,5 e 64,6 bilhões de dólares  quantia que ultrapassa o valor de mercado de 80% das companhias de capital aberto que compõem o índice S&P 500, de acordo com a Bloomberg.

Assim, o Uber valeria mais do que a química Dow (avaliada em 60 bilhões de dólares), a GM (55,7 bilhões de dólares), a Ford (55,4 bilhões de dólares) ou a Time Warner (55,2 bilhões de dólares).

Em comparação com outras empresas que ainda não foram lançadas em bolsa, o app superaria a chinesa Xiaomi (avaliada em 46 bilhões de dólares), o Airbnb (2,5 bilhões de dólares) e a SpaceX (12 bilhões de dólares), por exemplo.

Outros investimentos

Em agosto, o Uber teria conseguido um outro aporte de US$ 1 bilhão de investidores da China, onde a empresa tem um plano de expansão agressivo.

Em maio, após outra rodada de investimentos, ele foi avaliado em 50 bilhões de dólares, feito histórico para startups que ainda não abriram o capital, alcançado antes apenas pelo Facebook.

Últimas Notícias

Ver mais
Mulheres no controle: Gera Capital conclui negociação de 32% do Grupo Salta
Um conteúdo Bússola

Mulheres no controle: Gera Capital conclui negociação de 32% do Grupo Salta

Há 7 horas

Projeto de lei quer proibir que motorista de aplicativo cobre passageiro pelo uso do ar-condicionado
Brasil

Projeto de lei quer proibir que motorista de aplicativo cobre passageiro pelo uso do ar-condicionado

Há um dia

STF começa hoje julgamento sobre vínculo empregatício entre Uber e motoristas
Brasil

STF começa hoje julgamento sobre vínculo empregatício entre Uber e motoristas

Há 4 dias

CEO da Uber diz que precisa reconquistar lealdade dos motoristas "todos os dias"
seloNegócios

CEO da Uber diz que precisa reconquistar lealdade dos motoristas "todos os dias"

Há 4 dias

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais