Negócios

Cinco morrem em explosão em navio a serviço da Petrobras

O incidente ocorreu no navio plataforma FPSO Cidade de São Mateus na costa do Espírito Santo


	Plataforma da Petrobras: a explosão também feriu dez trabalhadores e deixou quatro desaparecidos
 (Germano Lüders/EXAME)

Plataforma da Petrobras: a explosão também feriu dez trabalhadores e deixou quatro desaparecidos (Germano Lüders/EXAME)

DR

Da Redação

Publicado em 12 de fevereiro de 2015 às 07h08.

Oslo - A explosão a bordo do navio plataforma FPSO Cidade de São Mateus na costa do Espírito Santo, que ocorreu na quarta-feira, causou a morte de cinco pessoas, sendo que quatro trabalhadores ainda estão desaparecidos, informou a norueguesa BW Offshore, proprietária da embarcação, em um comunicado nesta quinta-feira.

A FPSO Cidade de São Mateus, que armazena e produz petróleo e gás, estava trabalhando para a Petrobras.

A explosão também feriu dez trabalhadores, dos quais dois estão em estado crítico.

A BW Offshore fechou a plataforma e todos os funcionários foram retirados da unidade.

A Cidade de São Mateus estava operando nos campos de Camarupim e Camarupim Norte, no litoral do Espírito Santo.

Acompanhe tudo sobre:Capitalização da PetrobrasEmpresasEmpresas abertasEmpresas brasileirasEmpresas estataisEstatais brasileirasExplosõesGás e combustíveisIndústria do petróleoNaviosPetrobrasPetróleoTransportes

Mais de Negócios

“Vamos investir 800 milhões de dólares para transição de veículos elétricos”, diz CEO global do Uber

Universidade aposta em software com IA para aumentar a segurança no campus

Sebrae promove evento gratuito sobre sustentabilidade para pequenos negócios. Inscreva-se

Os CEOS mais bem pagos em 2023 nos EUA

Mais na Exame