Cade rejeita recurso da Anhanguera sobre multa de R$500 mil

Gigante educacional moveu um embargo de declaração alegando incorreções na decisão do tribunal

Brasília - O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) rejeitou nesta quinta-feira o recurso movido pela Anhanguera Educacional sobre uma multa de 500 mil reais ao grupo no processo de aquisição da Novatec e do Instituto Grande ABC de Educação e Ensino.

"Não se nota nenhuma incorreção, mas sim incinconformidadeoformidade da embargante", afirmou a relatora do caso, a conselheira Ana Frazão.

No ano passado, a Anhanguera foi multada pelo orgão concorrencial por passar informações enganosas sobre a compra da totalidade das ações das duas empresas.

Assim, o gigante educacional moveu um embargo de declaração alegando incorreções na decisão do tribunal.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.