Negócios

Brookfield retira oferta por fatia na Invepar, dizem fontes

A Brookfield retirou oferta para comprar fatia da OAS na Invepar por discordâncias sobre gestão, dizem fontes


	Empreendimento da Brookfield: Brookfield não conseguiu chegar a um acordo com os parceiros da OAS na Invepar, dizem fontes
 (.)

Empreendimento da Brookfield: Brookfield não conseguiu chegar a um acordo com os parceiros da OAS na Invepar, dizem fontes (.)

DR

Da Redação

Publicado em 1 de fevereiro de 2016 às 20h28.

São Paulo - A Brookfield Asset Management retirou a oferta para comprar a fatia de 24,4 por cento na Invepar detida pela OAS, por discordâncias sobre a gestão da empresa, disseram duas fontes com conhecimento direto da situação nesta segunda-feira.

A Brookfield não conseguiu chegar a um acordo com os parceiros da OAS na Invepar, os fundos de pensão Previ, Petros e Funcef, sobre a gestão da companhia, disseram as fontes, que pediram anonimato por causa da sensibilidade da questão. A Brookfield decidiu sair do negócio na semana passada, adicionou uma das fontes.

A venda da participação era fundamental para ajudar a OAS a avançar com seu plano de recuperação judicial, dias após um juiz aprovar seu plano de reestruturação.

A Brookfield havia oferecido pagar 1,35 bilhão de reais pela participação na Invepar.

A decisão significa que a OAS terá que publicar novos termos da venda da fatia em até cinco dias e realizar um leilão em um mês, disse uma das fontes.

A empresa depende do sucesso do plano de recuperação para permanecer operacional, manter até 100 mil empregos e permanecer atualizada com fornecedores.

Nenhuma das fontes disse se há outros potenciais interessados na fatia da Invepar. A saída da Brookfield do negócio foi noticiada primeiro pela coluna Radar, da revista Veja, na noite desta segunda-feira.

Texto atualizado às 21h28

Acompanhe tudo sobre:BrookfieldConstrução civilEmpresasEmpresas brasileirasInveparOASSetor de transporte

Mais de Negócios

“Vamos investir 800 milhões de dólares para transição de veículos elétricos”, diz CEO global do Uber

Universidade aposta em software com IA para aumentar a segurança no campus

Sebrae promove evento gratuito sobre sustentabilidade para pequenos negócios. Inscreva-se

Os CEOS mais bem pagos em 2023 nos EUA

Mais na Exame