Banco Imobiliário agora vem com máquina para cartão de crédito

Estrela fecha parceria com a Mastercard para trocar o dinheiro por cartão de crédito no jogo

São Paulo – O jogo Banco Imobiliário, da Estrela, substituiu suas notas coloridas de papel pelo cartão de crédito. A mudança foi influenciada pelo aumento no uso dos cartões em relação às cédulas no comércio real, segundo a fabricante.

O jogo existe desde 1944 e é o principal produto de um filão (o de jogos de tabuleiro e ação), que ocupa cerca de 25% do faturamento da Estrela. A nova versão tem a Mastercard como parceira na substituição das cédulas por uma máquina semelhante à de verdade. A marca também está presente no jogo com dicas de seu programa de educação financeira Consumidor Consciente.

Outra novidade na última versão do jogo é que as empresas que podem ser compradas pelos jogadores agora foram substituídas por companhias de verdade, como Vivo, Itaú, TAM Viagens, Nivea, Ipiranga e Fiat. As marcas vêem na parceria uma oportunidade de reforçar sua imagem junto ao público jovem. “Os jogadores poderão conhecer nossa empresa, além de ser uma ótima oportunidade para tornar os clientes mais fiéis”, afirma Sylvio Ferraz, diretor da TAM Viagens, em comunicado à imprensa. As empresas pagaram para ter seus nomes associados ao jogo. A Estrela não divulgou os valores.

Os competidores começam com um crédito de $25.000. As compras de imóveis e companhias são debitadas do cartão de crédito, de acordo com as aquisições de cada participante. Quando um jogador tem que pagar ao outro, os dois cartões passam pela máquina – um para ter o valor debitado e outro para receber seus créditos.

Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.