Acompanhe:
seloNegócios

Airbnb vê em hotéis de luxo chance em meio à pressão regulatória

A empresa apresentará novo produto que agrupa propriedades favoritas da Airbnb com serviços de viagens de alta qualidade

Modo escuro

Continua após a publicidade
Airbnb: está intensificando os esforços para conquistar os viajantes que se esquivaram dos riscos e peculiaridades que fazem parte do aluguel do apartamento de um estranho (Yuya Shino/Reuters)

Airbnb: está intensificando os esforços para conquistar os viajantes que se esquivaram dos riscos e peculiaridades que fazem parte do aluguel do apartamento de um estranho (Yuya Shino/Reuters)

H
Heather Somerville, da Reuters

Publicado em 22 de fevereiro de 2018 às, 18h09.

São Francisco - A Airbnb está lançando novos serviços para atrair viajantes que procuram acomodações de luxo e hotéis tradicionais, a última jogada para enfrentar o aumento do número de desistências em seu negócio original de aluguel de casas.

A empresa apresentará na quinta-feira um novo produto que agrupa as propriedades favoritas da Airbnb com serviços de viagens de alta qualidade, bem como uma categoria separada de casas com garantias de serem limpas e confortáveis. A companhia ainda facilitará para os hotéis boutique e hostels a listagem de seus quartos no site de reservas on-line.

A Airbnb está intensificando os esforços para conquistar os viajantes que se esquivaram dos riscos e peculiaridades que fazem parte do aluguel do apartamento de um estranho. Mas também é um reconhecimento de que seu negócio principal atingiu limites em todo o mundo.

Reguladores em cidades importantes como Berlim, Londres, Nova York e, até mesmo, sua cidade natal de San Francisco criticaram o aluguel de curto prazo, culpando a Airbnb por sobrecarregar os mercados de habitação já apertados.

A empresa foi forçada a cortar suas listas em certas cidades populares como parte de concessões aos reguladores. A Airbnb compensou adicionando serviços como reservas de restaurantes e viagens guiadas de locais de interesse, parte de uma lista de ofertas que a empresa está apostando que algum dia gerará mais receita do que ganha ao alugar casas.

Existe um sentimento de urgência para a Airbnb acertar. A empresa privada é avaliada em 31 bilhões de dólares e precisa de um negócio com crescimento previsível constante para realizar uma oferta pública inicial bem sucedida, esperada para 2019.

"A Airbnb está descobrindo como crescer nos mesmos níveis que os investidores esperam que cresçamos, considerando alguns contratempos regulatórios", disse Christopher Anderson, professor da Faculdade de Administração de Hotéis da Universidade Cornell. "Isso se resume a uma maior quantidade de levantamentos".

 

Últimas Notícias

Ver mais
Depois do "back to basics", CVC mira 2 mil lojas
Exame IN

Depois do "back to basics", CVC mira 2 mil lojas

Há 5 horas

MELHORES E MAIORES 2024: inscrições estão abertas
seloNegócios

MELHORES E MAIORES 2024: inscrições estão abertas

Há 21 horas

Pasta do Comércio da China se compromete a ajudar empresas e a impulsionar demanda doméstica
Economia

Pasta do Comércio da China se compromete a ajudar empresas e a impulsionar demanda doméstica

Há um dia

Elon Musk processa OpenAI e Sam Altman por relação com Microsoft
Exame IN

Elon Musk processa OpenAI e Sam Altman por relação com Microsoft

Há um dia

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais