Negócios

Abercrombie rejeita pedido e estende contrato de presidente

Varejista disse que vai estender contrato de Mike Jeffries em ao menos um ano a partir de fevereiro, dias após um acionista pedir sua substituição


	Loja da Abercrombie & Fitch em Nova York: empresa está lutando para reconquistar gosto dos adolescentes
 (Mario Tama/Getty Images)

Loja da Abercrombie & Fitch em Nova York: empresa está lutando para reconquistar gosto dos adolescentes (Mario Tama/Getty Images)

DR

Da Redação

Publicado em 9 de dezembro de 2013 às 16h19.

A varejista de vestuário adolescente Abercrombie & Fitch disse que vai estender o contrato de seu presidente-executivo, Mike Jeffries, em ao menos um ano a partir de fevereiro, dias após um acionista pedir a substituição do executivo.

As ações da Abercrombie, que registrou sete trimestres seguidos de queda nas vendas, caíram até 4 por cento na manhã desta segunda-feira e perderam 27 por cento do seu valor este ano até o fechamento de sexta-feira.

Mike Jeffries, presidente-executivo da empresa há 16 anos, tem sido criticado pelo péssimo desempenho da Abercrombie.

A empresa e seus concorrentes Aeropostale e American Eagle estão lutando para reconquistar o gosto dos adolescentes, que estão cada vez mais comprando roupas em redes como a Zara, que oferecem roupas da moda por um preço mais acessível.

A empresa disse nesta segunda-feira que o novo acordo com seu presidente tem uma estrutura de remuneração simplificada, ligada às metas de desempenho da empresa.

Acompanhe tudo sobre:abercrombie-fitchAcionistasEmpresasgestao-de-negociosModa

Mais de Negócios

67% das empreendedoras no Brasil são mães, aponta pesquisa do Sebrae

Dia das Mães: 65 franquias baratas para empreender em família a partir de R$ 6.990

Após perda familiar, ele criou a maior empresa de criação de porcos da China. Hoje, tem US$ 18,5 bi

Como as franquias estão ajudando seus franqueados no Rio Grande do Sul

Mais na Exame