5 habilidades necessárias para aumentar a produtividade na sua empresa

Um dos principais mentores de PMEs do país, Marcus Marques revela o que os empresários devem fazer para construir times de alta performance; veja
 (Getty Images/Getty Images)
(Getty Images/Getty Images)
Por Isabel RochaPublicado em 19/05/2022 12:46 | Última atualização em 19/05/2022 12:46Tempo de Leitura: 6 min de leitura

Foi-se o tempo em que o autoritarismo e a centralização de decisões eram vistos como características de grandes líderes. Hoje, para trazer resultados realmente consistentes para a sua empresa, é essencial que os empreendedores (ou as pessoas que ocupam cargos de liderança dentro de suas organizações) tenham clareza sobre a importância da colaboração, da transparência e da boa comunicação durante o processo de gerenciamento de uma equipe.

Foi de olho nisso que Marcus Marques, um dos principais mentores de PMEs do país, desenvolveu o que ele chama de “a estrela da liderança” – uma lista que, em alusão às cinco pontas de uma estrela, reúne os cinco verbos que todo empreendedor deve praticar no seu dia a dia para que seja capaz de criar um time de alta performance.

“São as cinco habilidades que irão aumentar a produtividade dos funcionários. O líder empreendedor que usa elas com o mínimo de qualidade e frequência, certamente faz o time brilhar”, explica o empresário – que já treinou mais de 5 mil empresas por meio de sua holding, o Grupo Acelerador, e que irá ministrar, na próxima segunda-feira, 23, um treinamento online e gratuito para empreendedores que desejam acelerar o crescimento de suas empresas. Saiba mais aqui.

Veja, abaixo, os cinco verbos apontados por ele como essenciais para construir times de alta performance.

 Contratar

Embora conseguir selecionar pessoas certas para compor uma equipe seja essencial para o sucesso de uma empresa, Marques explica que esse ainda é um assunto bastante negligenciado em cursos, MBAs e programas de capacitação executiva – mas que não pode ser ignorado. “Um dos erros mais fatais que pode colocar em risco qualquer negócio é negligenciar o real impacto do processo de recrutamento. Quando se fala em liderança, muitas vezes se negligencia a contratação, como se a liderança começasse apenas quando se é um colaborador contratado pela empresa. Mas liderança começa na seleção”, diz.

Participe da Masterclass com Marcus Marques e descubra tudo o que você precisa saber para impulsionar o crescimento da sua empresa. Clique aqui!

Além de reunir elementos relacionados a habilidades técnicas (com base em análise de currículo, aplicação de testes e busca por referências), também é importante traçar um perfil comportamental dos candidatos. Tudo para fazer a contratação mais acertada possível – e para que o empreendedor não precise, posteriormente, gastar tempo e recursos com o treinamento de colaboradores que não possuem as habilidades necessárias para ocupar as posições que ocupam. “Não há treinamento que que conserte um mau recrutamento”, aconselha Marques, que também reforça a importância de olhar para o próprio time antes de iniciar um processo de seleção externo. “Olhe dentro da empresa, muitas vezes, quem você precisa já está lá e pode ser realocado”, diz.

Comunicar

A segunda “ponta de estrela” é a habilidade de comunicar. “A comunicação é a grande arma do líder, porque toda ação é precedida por ela. Quando o líder não comunica, ele deixa na mesa a execução. Quando comunica pouco, está fazendo com que as pessoas executem menos”, afirma Marques.

Para tornar esse processo o mais eficiente possível, ele sugere os empreendedores priorizem a coerência, a assertividade a frequência das comunicações.

Receba, gratuitamente, uma série de notícias, dicas e conteúdos sobre empreendedorismo pensados para ajudar a impulsionar o seu negócio. Clique aqui!

Desenvolver

Para Marcus Marques, desenvolver “é um verbo que o líder tem que conjugar constantemente”. E, no caso do líder que busca construir uma equipe de alta performance, isso é especialmente verdadeiro. Afinal, para que possam trazer cada vez mais resultados em um mundo em constante transformação, é essencial que as equipes estejam em constante desenvolvimento.

Estamos falando de dar feedbacks constantes, investir na capacitação dos colaboradores e até mesmo de implementar uma política de job rotation (quando o funcionário troca de posição dentro do time algumas vezes, adquirindo novas habilidades importantes para o sucesso do negócio). Mas, mais do que apenas investir no desenvolvimento das equipes, é importante criar métodos para que esse desenvolvimento reflita no desempenho da empresa. “Todas as vezes em que invisto em meus colaboradores para fazer uma capacitação, peço um projeto em contrapartida, porque assim forçarei o desenvolvimento dele. Se você coloca um colaborador para fazer um curso de fluxo de caixa, por exemplo, peça para ele aplicar [no negócio], trazer um projeto e implementar os novos conhecimentos ali”.

Participe da Masterclass gratuita com Marcus Marques e descubra como conquistar até 5 anos de lucros e resultados em até 12 meses

Engajar

Quando o assunto é construir um time de alta performance, a importância do engajamento é evidente. Mas, afinal, como os gestores podem construir equipes mais engajadas? Isto é, como fazer com que os colaboradores de uma empresa queiram, de fato, estar ali participando e contribuindo ativamente com o crescimento do negócio? Para Marques, a resposta tem a ver com o entendimento de que a empresa paga dois salários: o financeiro e o emocional. “O salário financeiro aquele valor combinado no momento da contratação. Já o emocional são práticas e estratégias que podem ser tomadas dentro da empresa para valorizar e reconhecer a equipe. Atender à necessidade de ser amado, ouvido, reconhecido e percebido no mundo”, pontua.

Delegar

Por fim, a quinta e última ponta da “estrela da liderança” está relacionada à capacidade de delegar. Isso porque, além de ter o poder de desmotivar o restante da equipe (que sente que suas habilidades não são valorizadas), a centralização de demandas ou decisões também impede que o empreendedor foque em ações mais estratégicas. “O empreendedor é o líder da empresa e, portanto, deve concentrar-se nas tarefas críticas para sua organização, focar naquilo que realmente é importante e atribuir o restante. Para o seu negócio crescer e alcançar patamares cada vez mais altos, é importante que [o empreendedor] desenvolva a maestria para delegar tarefas aos seus funcionários e desapegue das demandas operacionais”, diz. 

Acelere a sua empresa: saiba mais sobre a Masterclass gratuita com Marcus Marques

Para ajudar pequenos e médios empresários a acelerarem o crescimento de suas empresas, a EXAME se juntou com Marcus Marques e criou a Marterclass Acelere a sua Empresa. Durante o treinamento, que é totalmente virtual e gratuito, o próprio Marcus ensinará, com base na sua experiência, tudo o que os empreendedores precisam saber para ter uma empresa com processos mais inteligentes, pessoas mais competentes e crescimento acelerado. “Não será uma aula com dicas que todo mundo dá ou com informações daquelas que qualquer pessoa pode encontrar na internet. Esse encontro vai muito além. O que eu vou te ensinar você não vê por aí porque tem embasamento na minha experiência como empresário, nas minhas conquistas e naquilo que me fez acelerar e chegar onde cheguei”, promete.

O encontro acontece na próxima segunda-feira, 23 de maio, às 19h30. Para se inscrever e ter acesso ao conteúdo gratuitamente, basta clicar aqui (ou no botão abaixo) e preencher o formulário.

 

QUERO ME INSCREVER NA MASTERCLASS GRATUITA!