Mundo

Onda de calor provoca apagões no México

Em abril, a Cidade do México marcou 34,2°C, superando o registro máximo de 33,9°C que mantinha desde 1998, de acordo com dados da Conagua

Onda de calor: temperatura já afeta a região da América Central (Getty Images/Getty Images)

Onda de calor: temperatura já afeta a região da América Central (Getty Images/Getty Images)

AFP
AFP

Agência de notícias

Publicado em 9 de maio de 2024 às 20h34.

Tudo sobreMéxico
Saiba mais

Várias regiões do México enfrentam apagões intermitentes devido ao alto consumo de energia provocado por uma onda de calor, anunciou o governo do país nesta quinta-feira, 9.
Nos últimos dias, foram registrados apagões na capital do país, no vizinho Estado do México e em outras áreas, como Michoacán (oeste), Tamaulipas (nordeste) e Campeche (sudeste). Em algumas dessas regiões a temperatura registrou níveis extremos de calor.

Na quarta-feira, foram reportadas "temperaturas máximas de 48°C e superiores em regiões de San Luis Potosí (nordeste) e Tamaulipas", informou hoje a estatal Comissão Nacional da Água (Conagua) em seu perfil na rede X.

Segundo um mapa desse órgão, a localidade de Gallinas, em San Luis Potosí, registrou 49,6°C.

Altas temperaturas

Em abril, a Cidade do México marcou 34,2°C, superando o registro máximo de 33,9°C que mantinha desde 1998, de acordo com dados da Conagua.

O presidente mexicano, Andrés Manuel López Obrador, reconheceu hoje os cortes de luz e garantiu que seu governo está atento ao problema.

"Houve uma demanda superior à capacidade de geração" de energia, disse o presidente em sua habitual entrevista coletiva.

A entidade responsável pelo sistema elétrico mexicano costuma fazer cortes de energia para equilibrar a oferta e demanda.

América Latina

Uma situação semelhante acontece na Costa Rica, onde autoridades anunciaram um racionamento de energia devido à escassez de água nos reservatórios que abastecem as centrais hidrelétricas causada pela seca.

Equador e Colômbia também têm sofrido com o racionamento de energia, devido à falta de água para alimentar as usinas hidrelétricas.

Uma onda de calor atinge várias regiões do México e provocou a redução do nível de diversas represas do país, causando preocupação nos setores produtivos, principalmente no agropecuário.

Acompanhe tudo sobre:Cidade do MéxicoMéxicoonda de calor

Mais de Mundo

Novas pesquisas preveem vitória trabalhista histórica nas eleições britânicas

Líder do Hezbollah diz que 'nenhum lugar' de Israel estará a salvo em caso de guerra

Governo Milei nega 'pacto de impunidade' com Bolsonaro por foragidos do 8 de janeiro

União Europeia repreende sete países por desrespeito às regras financeiras do bloco

Mais na Exame