Mundo

Homem morre no México após contrair gripe aviária "inédita" em humanos

Homem infectado tinha vários problemas de saúde, incluindo doença renal crônica, diabetes tipo 2 e hipertensão

Da Redação
Da Redação

Redação Exame

Publicado em 6 de junho de 2024 às 09h23.

Um homem no México morreu após contrair uma cepa de gripe aviária que não havia sido confirmada em humanos antes, disse a Organização Mundial da Saúde na quarta-feira.

O vírus foi detectado em um paciente de 59 anos que havia sido hospitalizado na Cidade do México. O homem morreu uma semana depois de desenvolver febre, falta de ar e diarreia. É o primeiro caso confirmado de uma pessoa que contrai uma forma de gripe aviária conhecida como H5N2, disse a OMS em comunicado, levantando questões sobre uma cepa que tem estado em grande parte fora do radar das autoridades. O atual surto de gripe aviária em vacas nos EUA está sendo impulsionado por uma cepa diferente – a H5N1.

O paciente, que morava na região central do México, não tinha histórico de exposição a aves ou outros animais. O governo mexicano não sabe onde ele foi exposto ao vírus, embora a cepa da gripe aviária tenha sido relatada em aves no estado mexicano onde a pessoa vivia.

O risco atual que o vírus H5N2 representa para o público em geral é baixo, segundo a OMS, que afirmou que não foram notificados mais casos após uma investigação.

O homem infectado pelo H5N2 tinha vários problemas de saúde, incluindo doença renal crônica, diabetes tipo 2 e hipertensão de longa data, de acordo com o Ministério da Saúde do México. Ele estava acamado há três semanas antes do início dos sintomas agudos, em meados de abril, acrescentou a OMS, citando os familiares do paciente. Embora hospitalizado em 24 de abril, o homem morreu no mesmo dia.

As autoridades mexicanas relataram o caso à OMS em 23 de maio após confirmarem a presença do vírus depois de exames feitos no homem.

Acompanhe tudo sobre:Gripe aviária

Mais de Mundo

Putin diz que poderia fornecer armas para atacar alvos no Ocidente

Dia D faz 80 anos: entenda a data que mudou o rumo da Segunda Guerra Mundial

Eleições da União Europeia começam maratona de votações nesta quinta

Mais na Exame