Acompanhe:

Uma empresa sul-coreana está oferecendo aos funcionários até US$ 75.000 para que tenham filhos e ajudem a aumentar a taxa de natalidade do país, que está em dificuldades.

Segundo o Business Insider, a Ssangbangwool, uma empresa de roupas íntimas, disse na quinta-feira que daria aos funcionários US$ 22.400 para o primeiro filho, outros US$ 22.400 para o segundo filho e US$ 30.000 para o terceiro.

"Uma baixa taxa de natalidade é uma tarefa importante a ser superada por nossa sociedade. A empresa assumirá a responsabilidade e se esforçará ao máximo para ajudar o país a aumentar a taxa de fertilidade", disse um porta-voz da empresa, de acordo com o The Korea Herald.

O anúncio foi feito depois que o Booyoung Group, uma empresa de construção com sede em Seul, declarou no início deste mês que daria um bônus de US$ 75.000 por filho aos funcionários que tivessem bebês, informou a CNN.

O Booyoung Group estendeu o bônus aos funcionários que tiveram filhos desde 2021. Os funcionários da empresa tiveram 70 filhos desde o período, de modo que a empresa está obrigada a desembolsar US$ 5,25 milhões em dinheiro para seus funcionários. Tanto homens quanto mulheres podem reivindicar o bônus.

Coreia do Sul repete crise Japão e China

Assim como na China e no Japão, o envelhecimento e o desequilíbrio cada vez maior da população da Coreia do Sul significam que poderá haver um aumento no número de idosos aposentados que precisarão de cuidados médicos enquanto a oferta de trabalhadores mais jovens no país diminui.

A taxa de fertilidade nacional foi de 0,78 em 2022, e a taxa de natalidade em Seul - onde vive um quinto da população do país - foi ainda menor, de 0,59 naquele ano, de acordo com estatísticas do governo.

O país precisa de uma taxa de fertilidade de 2,1 para manter sua população atual.

Em 13 de fevereiro, o presidente da Coreia do Sul, Yoon Suk Yeol, ordenou que seu governo desenvolvesse incentivos fiscais e subsídios para empresas que incentivam seus funcionários a terem filhos.

Em Seul, as autoridades municipais estão dando US$ 750 por mês aos pais até que os bebês completem um ano.

Créditos

Últimas Notícias

Ver mais
Sob tensão com o Norte, Coreia do Sul confirma que enviará ao espaço segundo satélite-espião
Mundo

Sob tensão com o Norte, Coreia do Sul confirma que enviará ao espaço segundo satélite-espião

Há 5 horas

Coreia do Norte dispara míssil balístico durante visita de secretário dos EUA a Seul
Mundo

Coreia do Norte dispara míssil balístico durante visita de secretário dos EUA a Seul

Há 2 semanas

Pela primeira vez, Rússia prende sul-coreano sob acusação de espionagem
Mundo

Pela primeira vez, Rússia prende sul-coreano sob acusação de espionagem

Há 3 semanas

Future of Money

Coreia do Sul anuncia investigação sobre Worldcoin, projeto de dono do ChatGPT

Há um mês

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais