Preços de aluguel de imóveis residenciais aumentam 1,3% em agosto no país; veja médias das capitais

Preço médio do aluguel de um imóvel residencial chega a R$ 35,37/m² em agosto nas cidades brasileiras, segundo o Índice FipeZAP+
Imóveis: Índice FipeZAP+ acompanha os preços de aluguel de imóveis residenciais em 25 cidades brasileiras (Germano Lüders/Exame)
Imóveis: Índice FipeZAP+ acompanha os preços de aluguel de imóveis residenciais em 25 cidades brasileiras (Germano Lüders/Exame)
T
Thais CancianPublicado em 13/09/2022 às 06:07.

O preço médio dos aluguéis de imóveis no país subiu 1,30% em agosto, resultado que corresponde a uma desaceleração frente às variações observadas nos quatro meses anteriores: abril (+1,84%), maio (+1,70%), junho (+1,58%) e julho (+1,37%). Os dados são do Índice FipeZAP+ e foram divulgados nesta terça-feira, 13.

A variação média do aluguel residencial registrada pelo índice superou a inflação mensal ao consumidor medida pelo IPCA/IBGE (-0,36%), bem como o comportamento dos preços da economia brasileira registrado pelo IGP-M/FGV (-0,70%).

Entre as 25 cidades monitoradas, Joinville (-0,76%), São José (-1,70%) e Salvador (-0,30%) registraram queda nos preços. Considerando as 11 capitais onde os preços de locação residencial são acompanhados, as seguintes variações foram observadas: Fortaleza (+3,17%); Goiânia (+2,26%); Florianópolis (+2,26%); Brasília (+2,07%); Curitiba (+1,96%); Belo Horizonte (+1,33%); São Paulo (+1,18%); Rio de Janeiro (+1,18%); Porto Alegre (+0,98%) e Recife (+0,97%).

Assine a EXAME e fique por dentro das principais notícias que afetam o seu bolso. Tudo por menos de R$ 0,37/dia

Balanço parcial de 2022

De janeiro a agosto, o Índice FipeZAP+ de Locação Residencial acumulou uma alta de 12,42%, variação que supera a inflação calculada pelo IPCA/IBGE (+4,39%) e pelo IGP-M/FGV (+7,63%) nesse mesmo intervalo.

Das 25 cidades monitoradas, 24 registraram elevação de preços de locação residencial, incluindo todas as 11 capitais acompanhadas: Florianópolis (+24,24%); Goiânia (+23,60%); Fortaleza (+21,39%); Curitiba (+17,58%); Belo Horizonte (+15,59%); Salvador (+15,44%); Rio de Janeiro (+13,73%); Recife (+13,48%); São Paulo (+10,91%); Brasília (+5,99%); e Porto Alegre (+4,98%).

Análise dos últimos 12 meses

Nos últimos 12 meses, o índice acumulou um avanço de 15,31%, variação superior à inflação acumulada pelo IPCA/IBGE (+8,73%) e pelo IGP-M/FGV (+8,59%).

Todas as 25 cidades monitoradas pelo índice registraram elevação dos preços em suas respectivas localidades, com destaque à Florianópolis (+31,85%); Fortaleza (+28,01%); Goiânia (+25,68%); Curitiba (+23,85%); Belo Horizonte (+19,51%); Recife (+18,26%); Rio de Janeiro (+16,36%) e Salvador (+16,21%); São Paulo (+12,53%); Brasília (+7,23%); e Porto Alegre (+7,08%).

Preço médio do aluguel em agosto

Com base nas 25 cidades monitoradas pelo índice, o preço médio do aluguel de imóveis residenciais foi de R$ 35,37/m² no mês de agosto.

Na comparação com as 11 capitais avaliadas, São Paulo apresentou o maior preço médio de locação residencial do período (R$ 44,03/m²), seguida pelos valores médios de aluguel em Recife (R$ 40,40/m²), Florianópolis (R$ 36,93/m²), Rio de Janeiro (R$ 36,44/m²) e Brasília (R$ 36,04/m²).

Já entre as capitais com menor valor de locação residencial, estão Fortaleza (R$ 23,06/m²), Goiânia (R$ 24,26/m²), Porto Alegre (R$ 26,15/m²) e Curitiba (R$ 27,98/m²).

Confira a seguir as médias de todas as capitais acompanhadas durante o período:

Cidade Variação em agosto (%) Variação nos últimos 12 meses (%) Preço médio (em R$/m²)
IPCA -0,36 8,73 Não se aplica
IGP-M -0,7 8,59 Não se aplica
Índice FipeZAP+ 1,3 15,31 35,37
São Paulo 1,18 12,53 44,03
Rio de Janeiro 1,18 16,36 36,44
Brasília 2,07 7,23 36,04
Salvador -0,3 16,21 29,4
Porto Alegre 0,98 7,08 26,15
Curitiba 1,96 23,85 27,98
Belo Horizonte 1,33 19,51 29,53
Recife 0,97 18,26 40,4
Fortaleza 3,17 28,01 23,06
Florianópolis 2,26 31,85 36,93
Goiânia 2,26 25,68 24,26

Gostaria de aprender a investir em fundos imobiliários? Acesse aqui o curso gratuito da EXAME Academy em parceria com a B3

Veja Também

Leilão de imóveis tem desconto de até 13%; veja como participar
Mercado imobiliário
Há 8 horas • 2 min de leitura

Leilão de imóveis tem desconto de até 13%; veja como participar

Gustavo Franco: Reta final
Invest Opina
Há 8 horas • 5 min de leitura

Gustavo Franco: Reta final

Inflação sobe 10,3% entre países da OCDE em agosto
Economia
Há 2 dias • 2 min de leitura

Inflação sobe 10,3% entre países da OCDE em agosto