Invest

As melhores ações para investir em maio; ITUB4 e PETR4 estão na lista

Levantamento mensal da EXAME Invest aponta os papéis mais indicados por bancos, corretoras, casas de análise e gestoras

Petrobras: vemos agora o rendimento de dividendos de PETR4 em 13% para 2025 (Germano Lüders/Exame)

Petrobras: vemos agora o rendimento de dividendos de PETR4 em 13% para 2025 (Germano Lüders/Exame)

Karla Mamona
Karla Mamona

Editora de Finanças

Publicado em 6 de maio de 2024 às 17h23.

Última atualização em 6 de maio de 2024 às 17h46.

Tudo sobrePetrobras
Saiba mais

As ações do Itaú Unibanco (ITUB4) e da Vale (VALE3) lideram o ranking das recomendações de bancos, corretoras e casas de análise para o mês de maio. Os papéis da companhia estão presentes em oito das 12 carteiras consultadas pela EXAME Invest.

Sobre os papéis do Itaú Unibanco, os analistas do BTG Pactual (mesmo grupo controlador da EXAME) afirmam que os papéis da companhia é um consenso para os investidores e em um cenário de saques dos fundos de ações e que a ação pode sofrer na bolsa, mas eles não enxergem nenhuma razão fundamental para tirá-la.

"Na verdade, e sob a liderança de Milton Maluhy, o Itaú tem passado pela transformação digital mais eficaz entre os bancos, o que acreditamos que permitirá ao seu ROE aumentar a diferença em comparação com os seus pares."

Vale (VALE3)

Sobre a Vale (VALE3), os analistas da Ágora afirmam que a companhia apresentou números fortes, atingindo a maior produção no primeiro desde 2019 –o que também ajudou no desempenho de custos no trimestre (ligeiramente inferior em termos anuais).

"Reafirmamos a presença de VALE3 na carteira, uma vez que a ação está sendo negociada a 3,4x o múltiplo EV/Ebitda para 2024 (implicando um desconto de 27% para pares, ante a média histórica de aproximadamente 15%)."

Petrobras (PETR4)

Na terceira colocação estão as ações da Petrobras (PETR4), com seis indicações de recomendações. Além disso, a companhia teve uma indicação para as ações ordinárias. Sobre a estatal, os analistas disseram que os eventos turbulentos, que começaram com a retenção de dividendos complementares em 8 de março (e levaram a especulações sobre mudanças na gestão da Petrobras), podem ter resultado em algumas resoluções positivas, como o ministro de Minas e Energia, Alexandre Silveira, tornando-se mais favorável à atuação do CEO Jean Paul Prates e Fernando Haddad, ministro da Fazenda, ter ganhado terreno dentro da estatal.

"Diante disso, vemos agora o rendimento de dividendos de PETR4 em 13% para 2025, acima da média global de 10% [com recompras]. Com um ambiente tão volátil para o Ibovespa, é difícil ignorar um exportador como a Petrobras, que paga um rendimento de dividendos tão atraente, sem mencionar que as ações estão sendo negociadas a 2,8xo múltiplo EV/Ebitda para 2025, um desconto de 30% para os pares globais, o que parece excessivo", disse a Ágora.

AçõesRecomendações
Itaú Unibanco (ITUB4)8
Vale (VALE3)8
Petrobras (PETR4)6
Sabesp (SBSP3)4
Suzano (SUZB3)4
WEG (WEGE3)4
BTG Pactual (BPAC11)4
JBS (JBSS3)3
Prio (PRIO3)3
Multiplan (MULT3)3
Copel (CPLE6)2
Embraer (EMBR3)2
Direcional (DIRR3)2
Aura Minerals (AURA33)2
Cemig (CMIG4)2
Mercado Livre (MELI34)2
Fleury (FLRY3)2
BB Seguridade (BBSE3)2
Assaí (ASAI3)2
Direcional (DIRR3)2
Grupo Ultra (UGPA3)1
Grupo Mateus (GMAT3)1
Banco do Brasil (BBAS3)1
Taesa (TAEE11)1
SLC Agrícola (SLCE3)1
Natura F(NTCO3)1
Usiminas (USIM5)1
Copasa (CSMG3)1
CTEEP (TRPL4)1
Klabin (KLBN11)1
Vibra Energia (VBBR3)1
OceanPact (OPCT3)1
Orizon (ORVR3)1
Ambev (ABVE3)1
Cyrela (CYRE3)1
Eletrobras (ELETR3)1
Localiza (RENT3)1
Lojas Renner (LREN3)1
Stone (STOC31)1
Alliar (AALR3)1
Eletrobras (ELET6)1
Enauta (ENAT3)1
Irani (RANI3)1
Méliuz (CASH3)1
Telefônica Brasil (VIVT3)1
Brasil Agro (AGRO3)1
Camil (CAML3)1
CPFL Energia (CPFE3)1
Positivo (POSI3)1
BRF (BRFS3)1
Rede D'Or (RDOR3)1
Santos Brasil (STBP3)1
Iguatemi (IGTA11)1
TIM (TIMS3)1
Totvs (TOTS3)1
Vivara (VIVA3)1
RaiaDrogasil (RADL3)1
Metalúrgica Gerdau (GOAU4)1
Mater Dei (MATD3)1
Petrobras (PETR3)1
CCR (CCRO3)1
Cosan (CSAN3)1
Gerdau (GGBR4)1

Carteiras recomendadas

Veja abaixo a recomendação por carteira.

Ágora Investimentos

Ação excluída: Localiza
Ação incluída: Embraer

AçãoPeso (em %)
Copel (CPLE6)10
Embraer (EMBR3)10
Itaú Unibanco (ITUB4)10
JBS (JBSS3)10
Petrobras (PETR4)10
Sabesp (SBSP3)10
Suzano (SUZB3)10
Usiminas (USIM5)10
Vale (VALE3)10
WEG (WEGE3)10

BB Investimentos

Ação excluída: RaiaDrogasil
Ação incluída: Vibra Energia

AçãoPeso (em %)
BTG Pactual (BPAC11)10
Copasa (CSMG3)10
CTEEP (TRPL4)10
Direcional (DIRR3)10
Itaú Unibanco (ITUB4)10
Klabin (KLBN11)10
Petrobras (PETR4)10
Vale (VALE3)10
Vibra Energia (VBBR3)10
WEG (WEGE3)10

Benndorf Research

Ações excluídas: ABC Brasil, C&A, Cyrela, Direcional, Guararapes, IVVB11, Occidental Petroleum e Plano e Plano
Ações incluídas: BTG Pactual, Embraer, JBS, Mercado Livre, OceanPact, Orizon, Petrobras e Vale

AçãoPeso (em %)
Aura Minerals (AURA33)10
BTG Pactual (BPAC11)10
Cemig (CMIG4)10
Embraer (EMBR3)10
JBS (JBSS3)10
Mercado Livre (MELI34)16
OceanPact (OPCT3)10
Orizon (ORVR3)10
Petrobras (PETR4)7
Vale (VALE3)7

BTG Digital

Ações excluídas: Embraer e B3
Ações incluídas: Suzano e Ambev

AçãoPeso (em %)
Ambev (ABVE3)10
Cyrela (CYRE3)5
Eletrobras (ELETR3)10
Itaú Unibanco (ITUB4)10
Localiza (RENT3)10
Lojas Renner (LREN3)10
Mercado Livre (MELI34)10
Petrobras (PETR4)15
Stone (STOC31)10
Suzano (SUZB3)10

CM Capital

Ações excluídas: Alupar, Banco Pan, Cemig, Cielo, Direcional, Natura, Prio, Sanepar e São Martinho
Ações incluídas: Alliar, Eletrobras, Enauta, Fleury, Irani, Méliuz, Suzano, Telefônica Brasil e Vibra

AçãoPeso (em %)
Alliar (AALR3)10
Eletrobras (ELET6)10
Enauta (ENAT3)10
Fleury (FLRY3)10
Irani (RANI3)10
Itaú Unibanco (ITUB4)10
Méliuz (CASH3)10
Suzano (SUZB3)10
Telefônica Brasil (VIVT3)10
Vibra (VBBR3)10

Genial Investimentos

Ações excluídas: Arezzo, Equatorial, Klabin e Pão de Açúcar
Ações incluídas: Brasil Agro, BB Seguridade, CPFL Energia e Petrobras

AçãoPeso (em %)
Aura Minerals (AURA33)10
BB Seguridade (BBSE3)10
Brasil Agro (AGRO3)10
Camil (CAML3)10
CPFL Energia (CPFE3)10
Petrobras (PETR4)10
Positivo (POSI3)10
Prio (PRIO3)10
Vale (VALE3)10
WEG (WEGE3)10

Guide

Ações excluídas: Rede D'Or, Sabesp e Suzano
Ações incluídas: EcoRodovias, Cruzeiro do Sul e Grupo SBF

AçãoPeso (em %)
Assaí (ASAI3)10
BTG Pactual (BPAC11)10
BRF (BRFS3)10
Cyrela (CYRE3)10
Lojas Renner (LREN3)10
Rede D'Or (RDOR3)10
Sabesp (SBSP3)10
Suzano (SUZB3)10
Vale (VALE3)10
WEG (WEGE3)10

Nova Futura 

Ações excluídas: Embraer, Klabin, Lojas Renner e WEG
Ações incluídas: Ambev, Cemig, JBS e Santos Brasil

AçãoPeso (em %)
Ambev (ABEV3)10
BTG Pactual (BPAC11)10
Cemig (CMIG4)10
Direcional (DIRR3)10
Itaú Unibanco (ITUB4)10
JBS (JBSS3)10
Prio (PRIO3)10
Santos Brasil (STBP3)10
Vale (VALE3)10
Vibra Energia (VBBR3)10

Pagbank

Ações excluídas: Arezzo e Prio
Ações incluídas: Iguatemi e Petrobras

AçãoPeso (em %)
Assaí (ASAI3)10
Copel (CPLE6)10
Cyrela (CYRE3)10
Iguatemi (IGTA11)10
Itaú (ITUB4)10
Petrobras (PETR4)10
Sabesp (SBSP3)10
TIM (TIMS3)10
Totvs (TOTS3)10
Vivara (VIVA3)10

Planner

Ações excluídas: CTEEP e São Martinho
Ações incluídas: Itaú Unibanco e Taesa

AçãoPeso (em %)
BB Seguridade (BBSE3)10
Itaú Unibanco (ITUB4)10
Mater Dei (MATD3)10
Metalúrgica Gerdau (GOAU4)10
Multiplan (MULT3)10
Natura (NTCO3)10
Prio (PRIO3)10
SLC Agrícola (SLCE3)10
Taesa (TAEE11)10
Vivo Telefônica (VIVT3)10

Santander

Não houve mudança na carteira, apenas na distribuição de pesos

AçãoPeso (em %)
Banco do Brasil (BBAS3)10
Cyrela (CYRE3)8
Grupo Mateus (GMAT3)9
Grupo Ultra (UGPA3)10
Itaú Unibanco (ITUB4)10
Multiplan (MULT3)10
Petrobras (PETR3)13
Sabesp (SBSP3)9
Totvs (TOTS3)9
Vale (VALE3)12

Terra Investimentos

Ações excluídas: Localiza e 3R Petroleum
Ações incluídas: Gerdau e Fleury

AçãoPeso (em %)
Bradesco (BBDC4)10
CCR (CCRO3)10
Cosan (CSAN3)10
Cyrela (CYRE3)10
Fleury (FLRY3)10
Gerdau (GGBR4)10
Lojas Renner (LREN3)10
Multiplan (MULT3)10
RaiaDrogasil (RADL3)10
Vale (VALE3)10

A EXAME Invest acompanha mensalmente o desempenho das carteiras recomendadas enviadas pelas corretoras e bancos. Veja abaixo o desempenho das carteiras no mês de abril e o acumulado do ano:

CarteiraDesempenho no mês de abril
Ágora Investimentos-2,21%
BB Investimentos-2,47%
Planner-3,44%
Santander-3,60%
CM Capital-3,65%
Benndorf Research-4,13%
Nova Futura-4,29%
Genial Investimentos-4,45%
BTG Digital-4,67%
Terra Investimentos-6,85%
TC Invest-7,09%
Guide-7,39%
Pagbank-7,78%

Desempenho acumulado

CarteiraDesempenho no ano
Benndorf Research2,12%
CM Capital0,64%
Planner0,06%
Nova Futura-1,67%
BTG Digital-2,73%
BB Investimentos-4,32%
Ágora Investimentos-7,79%
TC Invest-8,45%
Santander-9,16%
Pagbank-9,70%
Terra Investimentos-12,22%
Guide-15,64%
Genial Investimentos-18,39%
Acompanhe tudo sobre:bolsas-de-valoresMercado financeiro

Mais de Invest

Mega-Sena sorteia neste sábado prêmio acumulado em R$ 112 milhões

Itaú (ITUB4) anuncia novo pagamento de JCP; veja os valores

Payroll-bomba põe em xeque queda de juro em setembro e mercado passa a ver apenas um corte neste ano

Bradesco (BBDC4) anuncia pagamento de R$ 4 bilhões em JCP aos acionistas

Mais na Exame