Minhas Finanças

Renault convoca recall do Kwid por dois problemas diferentes

Montadora também anunciou recall dos veículos Sandero, Logan, Duster e Duster Oroch. Ao todo, são mais de 34 mil unidades de carros no chamado

Renault Kwid: Preço do seguro para o carro é o que apresenta a menor diferença entre as capitais cotadas (Renault/Divulgação)

Renault Kwid: Preço do seguro para o carro é o que apresenta a menor diferença entre as capitais cotadas (Renault/Divulgação)

Anderson Figo

Anderson Figo

Publicado em 22 de novembro de 2017 às 15h42.

Última atualização em 22 de novembro de 2017 às 15h47.

São Paulo — A Renault anunciou ontem (22) o recall de mais de 34 mil unidades dos modelos Kwid, Sandero, Logan, Duster e Duster Oroch.

Segundo a montadora, os proprietários dos veículos Sandero, Logan, Duster e Duster Oroch devem comparecer à rede de concessionárias para verificação da mangueira de direção de baixa pressão da direção hidráulica.

A Renault afirmou que foi constatada que a deterioração da mangueira de baixa pressão da direção hidráulica causa o vazamento do óleo hidráulico, com possibilidade de endurecimento da direção e, e casos extremos, perda da dirigibilidade com risco de acidente.

O recall envolve 13.026 unidades desses modelos, que foram fabricados entre 29 de julho e 6 de outubro de 2016.

"A verificação e, caso necessário, a substituição da mangueira de baixa pressão, é feita gratuitamente em uma das concessionárias Renault em até 1h30", afirmou a montadora em nota.

Kwid

A Renault também convocou os proprietários de Kwid a comparecerem à rede de concessionárias para verificação do tubo de combustível e sistema de freios.  A explicação é que, pelo posicionamento na montagem do tubo de combustível, pode ocorrer a perfuração do tubo, causando vazamento de combustível.

"Para sanar o problema, a Renault fará o reposicionamento do componente e, se necessário, substituirá o tubo de combustível", disse a montadora. O recall envolve 16.798 unidades de Kwid, fabricadas entre 1 de março de 2016 e 27 de setembro de 2017.

Já o sistema de freio pode ter trincas e em casos extremos ocasionar ineficiência de frenagem ou travamento das rodas e perda de dirigibilidade, com risco de causar acidente. Será efetuada verificação e, caso necessário, a substituição de componentes do sistema de freios.

De acordo com a Renault, o reparo dura até um dia. O recall envolve 21.802 unidades, fabricadas entre 1 de março de 2016 e 2 de novembro de 2017.

Veja abaixo os chassis dos veículos envolvidos no recall.

Kwid — Tubo de combustível

HJ524902 até JJ999218

Kwid — Sistema de freios

HJ524902 até JJ999218

Sandero 

De GJ481357 até GJ549376 e HJ246861 até HJ656295

Logan

De GJ481363 até GJ516511 e HJ246859 até HJ548486

Duster

De HJ246871 até HJ547067

Duster Oroch

De HJ246869 a HJ557912

Acompanhe tudo sobre:CarrosRecallRenaultRenault DusterRenault KwidRenault LoganRenault Sandero

Mais de Minhas Finanças

Mega-Sena: aposta de Ponta Grossa, no Paraná, leva prêmio acumulado de R$ 114 milhões

Veja o resultado da Mega-Sena, concurso 2734; prêmio acumulado é de R$ 112 milhões

Caixa abre cadastro de imóveis para compra pelo governo e doação ao RS

Mega-Sena sorteia neste sábado prêmio acumulado em R$ 112 milhões

Mais na Exame