Invest

Detran enviará 740 mil multas de trânsito até setembro

As notificações de infrações cometidas no período entre 26 de fevereiro e 30 de novembro de 2020 serão enviadas gradualmente

Trânsito: quer saber a melhor forma de se posicionar na bolsa? Conte com a assessoria do BTG Pactual Digital (Mineto/Estadão Conteúdo)

Trânsito: quer saber a melhor forma de se posicionar na bolsa? Conte com a assessoria do BTG Pactual Digital (Mineto/Estadão Conteúdo)

Karla Mamona

Karla Mamona

Publicado em 2 de fevereiro de 2021 às 15h57.

O Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran-SP) informou, nesta terça-feira, 2,  que as notificações de infrações cometidas no período entre 26 de fevereiro e 30 de novembro de 2020 serão enviadas gradualmente aos motoristas.

Segundo o órgão, serão enviadas um total de 740 mil notificações de multas de trânsito até setembro. Até o último dia 26 de janeiro, 179.456 mil notificações de autuação registradas pelo Detran foram encaminhadas aos condutores do estado de São Paulo

O prazo segue a Resolução nº 805 do Contran (Conselho Nacional de Trânsito), que obedece a um cronograma de 10 meses, contados a partir da data de cometimento da infração.

O Detran-SP destaca que não é preciso que o cidadão se desloque até uma unidade ou Poupatempo para buscar informações, pois as notificações serão enviadas de acordo com o cronograma e os prazos para defesa de autuação, indicação de condutor e recursos foram estendidos, respeitando as regras previstas no Código de Trânsito Brasileiro (CTB).

 Prazos para defesa e interposição de recurso

Em relação ao prazo de defesa ou  interposição de recurso, a partir da expedição da notificação o prazo é de 15 dias para apresentação de defesa prévia ou indicação de condutor, e de 30 dias para interposição de recurso em 1ª instância na Jari (Junta Administrativa de Recurso de Infração) ou em 2ª instância ao Cetran-SP (Conselho Estadual de Trânsito de SP).

Vale reforçar aos condutores que, a partir de 01 de dezembro de 2020, todos os processos e procedimentos de trânsito dos órgãos que compõem o Sistema Nacional de Trânsito foram restabelecidos normalmente para envio das notificações, interposição de defesa, indicação de condutor e recursos.

No caso de multas aplicadas pelo Detran.SP, os recursos podem ser feitos online pelo portal – www.detran.sp.gov.br - e aplicativo Poupatempo Digital. Caso o cidadão prefira, o recurso e indicação de condutor também podem ser realizados via Correios.

Os pontos têm validade de 12 meses. Após esse período, não tendo o motorista atingido o limite máximo de 20 pontos, eles são excluídos sem nenhum prejuízo ao cidadão.

Mas como houve a interrupção dos prazos para recursos, envio de notificações e instauração de processos de suspensão, somente agora com a retomada é que as informações serão atualizadas em sistema e excluídas. Isso caso o motorista não tenha cometido outras infrações que possam resultar na instauração de um procedimento administrativo de suspensão.

Antes de recorrer, verifique o órgão de trânsito responsável. Para recorrer às autuações é necessário que o condutor verifique qual foi o órgão responsável pelo registro da infração cometida. Caso contrário, o cidadão pode enviar o recurso à instituição errada e acabar perdendo os prazos para se defender. O nome do órgão autuador pode ser consultado no cabeçalho da notificação de autuação.

Acompanhe tudo sobre:Carrossao-pauloTrânsito

Mais de Invest

Veja o resultado da Mega-Sena, concurso 2736; prêmio acumulado é de R$ 40 milhões

Musk recebe sinal verde de acionistas da Tesla para remuneração bilionária

50 empresas que geraram mais valor aos acionistas; apenas uma é do Brasil

Vale prevê que vendas de minério e aglomerados ao Oriente Médio podem chegar a 67 milhões de t

Mais na Exame