Acompanhe:

Corretoras poderão prestar serviço de pagamento a partir de janeiro

BC informou que as empresas deverão optar entre a manutenção das contas de registro, modelo hoje em vigor, e a utilização de contas de pagamento

Modo escuro

Continua após a publicidade
Investimentos: Corretoras esperam aumentar número de clientes que investem na Bolsa (lovelyday12/Thinkstock)

Investimentos: Corretoras esperam aumentar número de clientes que investem na Bolsa (lovelyday12/Thinkstock)

R
Reuters

Publicado em 27 de novembro de 2020 às, 15h26.

 O Conselho Monetário Nacional (CMN) deu aval para que corretoras e distribuidoras de títulos e valores mobiliários passem a prestar serviço de pagamento a seus clientes a partir de janeiro de 2021, conforme decisão publicada pelo Banco Central nesta sexta-feira.

Em nota, o BC informou que as empresas deverão optar entre a manutenção das contas de registro, modelo hoje em vigor, e a utilização de contas de pagamento.

"Independentemente da modalidade escolhida, os recursos mantidos nas contas, enquanto não comprometidos com a liquidação de operações em nome dos clientes, deverão ser aplicados em títulos públicos federais ou mantidos como disponibilidades pelas sociedades de intermediação", afirmou o BC.

Segundo a autoridade monetária, a medida deve incentivar a concorrência entre prestadores de serviços de pagamento, além de ampliar o escopo de atuação das sociedades corretoras e distribuidoras de títulos e valores mobiliários e aprimorar a gestão de recursos no segmento de intermediação.

Últimas Notícias

Ver mais
Picchetti: Brasil está sendo encarado como exemplo na inclusão financeira
Economia

Picchetti: Brasil está sendo encarado como exemplo na inclusão financeira

Há 2 dias

Governo aprova nova queda de juros do empréstimo consignado para beneficiários do INSS
Economia

Governo aprova nova queda de juros do empréstimo consignado para beneficiários do INSS

Há 3 dias

Drex: lançamento do real digital pode atrasar, aponta coordenador do Banco Central
Future of Money

Drex: lançamento do real digital pode atrasar, aponta coordenador do Banco Central

Há 4 dias

Cenário está bem para uma Selic terminal mais para 9,5%, diz ex-diretor do BC
seloMercados

Cenário está bem para uma Selic terminal mais para 9,5%, diz ex-diretor do BC

Há 6 dias

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais