Invest

JPMorgan amplia em 6% lucro no 1º tri, a US$ 13,42 bilhões, mas tem despesa extraordinária

O lucro por ação do maior banco dos Estados Unidos entre janeiro e março ficou em US$ 4,44, acima da previsão de analistas consultados pela FactSet, de US$ 4,17

JP Morgan: maior banco dos EUA amplia lucro e despesas (Mike Kemp/Getty Images)

JP Morgan: maior banco dos EUA amplia lucro e despesas (Mike Kemp/Getty Images)

Estadão Conteúdo
Estadão Conteúdo

Agência de notícias

Publicado em 12 de abril de 2024 às 09h34.

O JPMorgan Chase teve lucro líquido de US$ 13,42 bilhões no primeiro trimestre de 2024, 6% maior do que o ganho de US$ 12,6 bilhões apurado em igual período do ano passado, segundo balanço publicado nesta sexta-feira, 12.

O lucro por ação do maior banco dos Estados Unidos entre janeiro e março ficou em US$ 4,44, acima da previsão de analistas consultados pela FactSet, de US$ 4,17.

Em comunicado, o JPMorgan explicou que o resultado foi afetado negativamente por uma despesa extraordinária de US$ 725 milhões repassados ao Federal Deposit Insurance Corporation (FDIC) em função das quebras de bancos regionais dos EUA ocorridas no ano passado.

Já a receita do JPMorgan somou US$ 41,9 bilhões no trimestre, com alta de 9% na comparação anual. O resultado superou levemente o consenso da FactSet, de US$ 41,7 bilhões. Após o balanço, nos negócios do pré-mercado em Nova York, a ação do JPMorgan caía 1,5% às 8h30 (de Brasília).

Acompanhe tudo sobre:JPMorganBalanços

Mais de Invest

Desenrola chega ao fim com queda de 8,7% na inadimplência entre a população mais vulnerável

IR 2024: Receita Federal libera consulta ao 1º lote na quinta-feira; veja quem recebe

Yduqs (YDUQ3) dispara 10% após divulgar projeções de crescimento em encontro com investidores

Leilão da Polícia Federal tem carros a partir de R$ 3 mil; veja como participar

Mais na Exame