Conheça o primeiro fundo de ações de US$ 1 trilhão

Embora a forte valorização das ações dos EUA impulsione o fundo, a queda das comissões também ajuda, uma tendência alimentada pela gestora
Fundo de ações: os investidores estão muito mais informados sobre a importância das taxas dos fundos e sobre o desempenho abaixo do esperado da gestão ativa (Spencer Platt/Getty Images)
Fundo de ações: os investidores estão muito mais informados sobre a importância das taxas dos fundos e sobre o desempenho abaixo do esperado da gestão ativa (Spencer Platt/Getty Images)
A
Annie Massa e Claire Ballentine, da Bloomberg Publicado em 16/12/2020 às 15:06.

(Bloomberg) -- Um fundo de ações do Vanguard Group se tornou o primeiro do tipo a acumular US$ 1 trilhão em ativos, uma prova do aumento dos investimentos com foco em índices nas últimas três décadas.

Como a política afeta seus investimentos? Descubra e invista melhor com a assessoria do BTG Pactual digital

O fundo Vanguard Total Stock Market Index, que inclui um fundo mútuo e um fundo de índice, tinha US$ 1,04 trilhão em ativos em 30 de novembro, segundo dados da empresa.

“Dado que o Vanguard deu origem aos investimentos em índices, parece adequado que um de seus principais fundos seja o primeiro a atingir essa marca histórica”, disse Nate Geraci, presidente da ETF Store, uma consultoria de investimentos.

Embora a forte valorização das ações dos EUA impulsione o fundo, a queda das comissões também ajuda, uma tendência alimentada pelo Vanguard, pioneiro em investimentos passivos de baixo custo. O fundo Vanguard Total Stock Market Index foi criado em 1992, com o respectivo ETF lançado em 2001.

“Os investidores estão muito mais informados sobre a importância das taxas dos fundos e sobre o desempenho abaixo do esperado da gestão ativa”, disse Geraci. Esses fatores podem impulsionar ainda mais o fundo por décadas, disse.

O Vanguard segue um formato atípico, pois seus ETFs existem como uma classe de ações de seus fundos mútuos. O Vanguard Total Stock Market ETF atraiu a maior parte dos recursos entre todos os ETFs neste ano, com US$ 30,8 bilhões de entradas líquidas. O Vanguard, maior emissor para entradas de ETFs neste ano, controla 28% dos US$ 5,3 trilhões do setor de ETF nos Estados Unidos.