Invest

Bolsas na Europa caem com “Brexit” de Macron; entenda

Investidores estão mais receosos após reação do presidente da França às eleições parlamentares da União Europeia

Bolsas da Europa: índices operam em baixa com crise política (Thierry Monasse/Getty Images)

Bolsas da Europa: índices operam em baixa com crise política (Thierry Monasse/Getty Images)

Rebecca Crepaldi
Rebecca Crepaldi

Repórter de finanças

Publicado em 10 de junho de 2024 às 09h22.

Última atualização em 10 de junho de 2024 às 11h56.

As bolsas da Europa recuam na manhã desta segunda-feira, 10, após o presidente da França, Emmanuel Macron, dissolver Parlamento francês e convocar eleições legislativas antecipadas em função da derrota que sofreu para a extrema direita.

O movimento já é visto por alguns como uma espécie de Brexit (nome dado à saída do Reino Unido da UE) da França, o que impactou diretamente os mercados locais. Às 9h20, os principais índices da Europa recuavam. O DAX caía 0,48%, aos 18.466 pontos, enquanto o FTSE 100 desvalorizava 0,20% aos 8.228 pontos. O Euro Stoxx 50 apresentava a maior queda, caindo 0,93% aos 5.004 pontos.

No domingo, 9, milhões de eleitores na União Europeia foram às urnas para eleger novos parlamentares. A eleição foi marcada por forte polarização, com significativos avanços de partidos eurocéticos e de extrema-direita em vários países. O movimento reflete uma insatisfação crescente com a política convencional e a busca por alternativas que prometem mudanças profundas, como nas políticas migratórias e econômicas do bloco.

Com o grupo Conservadores e Reformistas, liderado pela primeira-ministra italiana, Giorgia Meloni, 72 vagas devem ser conquistadas. São dez assentos a mais do que na eleição de 2019. Outro representante da ultradireita, o Identidade e Democracia (ID), que inclui o partido da francesa Marine Le Pen, deve ficar com 58 cadeiras. Somados, chegam aos 130 assentos.

Impactos no euro

Os efeitos da polarização destas eleições são vistos não apenas nas bolsas, mas também no euro. A incerteza política instalada na UE fez com o euro perdesse valor em relação ao dólar. A moeda sofreu queda de até 0,42% a € 1,0754, seu ponto mais fraco em cerca de um mês.

Acompanhe tudo sobre:União EuropeiaFrançaEmmanuel Macronbolsas-de-valoresEuropa

Mais de Invest

Veja o resultado da Mega-Sena, concurso 2739; prêmio acumulado é de R$ 58,9 milhões

Quanto rende R$ 1 bilhão na poupança? E em outros investimentos?

9 Dicas de finanças para ter mais dinheiro todo mês

ETFs de Small Caps: entenda o que são e como investir

Mais na Exame