Mercados

A lista dos maiores IPOs do mundo: petroleira pode desbancar Alibaba

Abertura de capital da Saudi Aramco pode superar a da gigante chinesa em 2014

Saudi Aramco pode desbancar Alibaba no posto de maior IPO do mundo. (Ahmed Jadallah/Reuters)

Saudi Aramco pode desbancar Alibaba no posto de maior IPO do mundo. (Ahmed Jadallah/Reuters)

TL

Tais Laporta

Publicado em 9 de novembro de 2019 às 08h30.

Última atualização em 9 de novembro de 2019 às 09h30.

São Paulo - Uma companhia do setor de petróleo pode estar prestes a superar uma gigante de outro setor no rankings das maiores aberturas de capital já feitas em bolsa de valores. A petroleira saudita Saudi Aramco, a mais lucrativa do mundo, confirmou que fará seu IPO (oferta pública inicial de ações, em português) em breve, podendo movimentar o maior volume de recursos da história. 

As conversas com investidores no IPO da Aramco começam neste domingo (9) e a listagem deve acontecer "pouco depois", segundo a empresa. Até agora, ela não deu detalhes sobre quantas ações pretende ofertar, o preço ou a data de lançamento, o que torna mais difícil estimar as cifras que pode levantar. Segundo a Reuters, ela poderia oferecer entre 1% a 2% de suas ações, levantando entre 20 bilhões e 40 bilhões de dólares.

Para tornar-se o maior IPO do mundo, a empresa precisará captar um valor superior a 25 bilhões de dólares, montante alcançado no IPO da chinesa Alibaba em 2014, em Nova York. Foi a maior operação em uma oferta inicial de ações até agora. O segundo maior IPO, da empresa de meios de pagamento Visa, movimentou 19,7 bilhões de dólares em 2008, também no mercado americano.

Veja abaixo quais são os maiores IPOs da história (em volume):

1 - Alibaba

FILE PHOTO: The logo of Alibaba Group is seen at the company’s headquarters in Hangzhou

REUTERS/Aly Song/Arquivo (Aly Song/File Photo/Reuters)

Valor: US$ 25 bilhões

Ano: 2014

Onde: Nyse (EUA)

 

2 - Visa

Logo da Visa em cartão de crédito

REUTERS/Philippe Wojazer (Philippe Wojazer/Reuters)

Valor: US$ 19,7 bilhões

Ano: 2008

Onde: Nyse (EUA)

 

3 - General Motors

general motors

Reuters (Roosevelt Cassio/Reuters)

Valor: US$ 18,1 bilhões

Ano: 2008

Onde: Nyse (EUA)

 

4 - Enel

Enel

Enel/Divulgação (Enel/Divulgação)

Valor: US$ 17,4 bilhões

Ano: 1999

Onde: Bolsa de Milão (Itália)

 

5 - Facebook

Facebook

Facebook (Stephen Lam/Reuters)

Valor: US$ 16 bilhões

Ano: 2012

Onde: Nasdaq (EUA)

 

6 - Deutsche Telekom

Deutsche Telekom

Deutsche Telekom (Wolfgang Rattay/Reuters)

Deutsche TelekomValor: US$ 13,1 bilhões

Ano: 1996

Onde: Bolsas de Frankfurt, Tóquio e EUA

 

7 - AT&T

FILE PHOTO: A T-Mobile store is pictured in the Manhattan borough of New York, New York, U.S., May 20, 2019. REUTERS/Carlo Allegri/File Photo (Carlo Allegri/Reuters)

REUTERS/Carlo Allegri/File Photo

Valor: US$ 10,6 bilhões

Ano: 2000

Onde: Nyse (EUA)

 

8 - Uber

Uber

Uber (Zhang Peng/Getty Images)

 

Valor: US$ 9 bilhões

Ano: 2019

Onde: Nyse (EUA)

 

9 - Kraft Foods

Kraft Foods

Kraft Foods (Scott Olson/Getty Images)

Valor: US$ 8,6 bilhões

Ano: 2001

Onde: Nasdaq (EUA)

Acompanhe tudo sobre:AçõesAlibabaAT&Tbolsas-de-valoresEnelFacebookIPOsKraft HeinzSaudi AramcoUberVisa

Mais de Mercados

Investidores da Tesla são aconselhados a votar contra bonificação de US$ 56 bi para Musk

Por que Argentina de Milei tem animado o mercado, apesar de inflação recorde e retração

Após balanço, Nvidia (NVDC34) já vale mais que Amazon (AMZO34) e Tesla (TSLA34) juntas

Bolsas da Europa fecham sem sinal único, com cautela por política monetária

Mais na Exame