Acompanhe:

Planejamento financeiro: 4 dicas para organizar as contas e atingir os objetivos em 2023

Segundo uma pesquisa realizada pela Febraban, 8 em cada 10 brasileiros acreditam que 2023 será um ano melhor

Modo escuro

Continua após a publicidade
Para começar a organizar as finanças, é necessário elencar as prioridades, definir prazos e estabelecer caminhos (10'000 hours/Getty Images)

Para começar a organizar as finanças, é necessário elencar as prioridades, definir prazos e estabelecer caminhos (10'000 hours/Getty Images)

L
Leonardo Carmo

Publicado em 27 de janeiro de 2023 às, 11h47.

Última atualização em 30 de janeiro de 2023 às, 11h23.

Vira o ano, os boletos de dezembro chegam, os reajustes de preço também. Sempre que se inicia um ciclo, as pessoas costumam criar listas de resoluções e, nelas, “organizar as finanças” é um item frequente. Afinal, independentemente da renda, todo mundo quer buscar um jeito de crescer a conta bancária e atingir a independência financeira.

É um objetivo legítimo e universal - através dele, é possível viajar para fora do país, comprar uma casa ou começar um negócio próprio, por exemplo.

No entanto, não raro o ano acaba e as pessoas percebem que levaram as finanças no automático e não chegaram nem perto do que deveria ser um planejamento financeiro.

Isso geralmente acontece por falta de comprometimento, conhecimento ou até mesmo o auxílio de uma boa ferramenta.

Para tornar esse ano diferente, selecionamos 4 dicas que, se aplicadas em conjunto, podem mudar a sua relação com o dinheiro em 2023.

Confira:

1. Realize um diagnóstico

Entender para onde, de fato, vai o dinheiro é um passo fundamental para adquirir inteligência financeira. De início, é importante começar registrando tanto os gastos quanto os ganhos. Assim, no fim do mês, é possível identificar os maiores empecilhos para alcançar os objetivos almejados.

Se um diagnóstico for realizado e serviços de streaming aparecerem como grandes comprometedores do orçamento, por exemplo, é prudente sentar e analisar se todas as assinaturas estão sendo bem aproveitadas. Uma forma de fazer isso é através de um bom gerenciador financeiro, desse jeito, não é preciso quebrar a cabeça com planilhas complexas.

No app BTG Banking, por exemplo, existe a funcionalidade Finanças+, que organiza automaticamente os gastos em categorias para que não seja preciso fazer isso manualmente e a pessoa tenha uma visão clara e intuitiva de como vem usando o seu dinheiro.

Também é possível criar tags personalizadas para organizar os gastos da forma que o usuário preferir. Além disso, há uma opção para definir um limite de gastos e acompanhar a situação ao longo do mês

Para conhecer melhor essa ferramenta, basta acessar a página do BTG Pactual.

Conheça o Finanças+ e simplifique a gestão da sua vida financeira

2. Acompanhe seus comportamentos para evitar gastos desnecessários

Quando estão tristes, felizes, ou com qualquer outra emoção elevada, as pessoas costumam tomar decisões menos racionais. No caso da tristeza, por exemplo, é comum procurar formas para aliviar a sensação e, por muitas vezes, é através da compra que isso acontece. No

entanto, acionar o ato de comprar impulsivamente como forma de compensar o que incomoda pode ser extremamente danoso.

Ao longo do tempo, isso pode prejudicar não só o sujeito, mas as pessoas ao seu redor, como a família e os amigos. Por isso, ter noção de que o prazer da compra é momentâneo e jamais deve ser considerado como solução para os problemas é muito importante.

Comprar de forma consciente é crucial para organizar bem o dinheiro e conseguir reservar os recursos e esforços para o que realmente importa. Não é sobre gastar menos, mas sim sobre tomar as decisões corretas de como usar o seu dinheiro de acordo com o que você valoriza.

Organização financeira na palma da sua mão: instale o BTG Banking e receba dicas e análises financeiras personalizadas

3. Trace metas e objetivos

Ao contrário do que se pensa, metas e objetivos não são a mesma coisa. Objetivo está relacionado a um desejo maior que a pessoa quer alcançar e metas são as pequenas conquistas necessárias para atingir esse objetivo. Quando aplicados ao universo do dinheiro, objetivos funcionam como guias que levam as finanças para o caminho certo.

Se uma pessoa tem o objetivo de comprar uma casa própria, por exemplo, uma meta que pode ser estabelecida é juntar uma determinada quantia de dinheiro por mês e dobrar esse valor no ano seguinte. Assim, com o acúmulo dessas pequenas conquistas, ela atinge aquele desejo maior.

Quando não há um propósito que dê sentido aos esforços como esse, o processo de organizar o dinheiro fica muito difícil. Para que dê certo, é necessário elencar as prioridades, definir prazos e estabelecer caminhos.

Buscando uma relação mais inteligente com o seu dinheiro? Instale o BTG Banking e tenha acesso a uma de organização financeira

4. Invista o seu dinheiro

Outro ponto que faz parte da organização financeira e pode ajudar em 2023 é começar a aplicar o dinheiro. Apesar da educação em relação às finanças estar ganhando força recentemente, muitas pessoas ainda acreditam que investir é algo complexo ou que pode ser adiado. Contudo, dinheiro parado é realmente dinheiro perdido.

O aumento generalizado dos preços de bens e serviços tende a crescer ao longo do tempo e o dinheiro perde o seu valor. Então, se hoje R$ 9,5 mil é o suficiente para adquirir um smartphone de última geração, daqui a 2 anos provavelmente vai ser preciso acrescentar um valor a mais. Isso se o dinheiro ficar parado, claro.

Caso a pessoa interessada em comprar esse smartphone invista esse dinheiro, é completamente possível - e fácil - acompanhar a inflação. Para isso, basta encontrar uma instituição financeira experiente e segura.

O BTG Pactual, por exemplo, é o maior banco de investimentos da América Latina, segundo a revista Global Finance. Ele existe há 40 anos e conta com soluções que auxiliam tanto pessoas comuns quanto pequenas e médias empresas.

QUERO CONHECER O BTG PACTUAL

Últimas Notícias

Ver mais
Quanto ganham os CEOs? E como se tornar um? Responda 5 perguntas e veja se tem potencial para líder
seloCarreira

Quanto ganham os CEOs? E como se tornar um? Responda 5 perguntas e veja se tem potencial para líder

Há 10 horas

Escritório com propósito: veja a estratégia das empresas para equilibrar vida pessoal e profissional
seloCarreira

Escritório com propósito: veja a estratégia das empresas para equilibrar vida pessoal e profissional

Há um dia

Por que a Weg (WEGE3) não está na carteira de dividendos da Empiricus?
seloApresentado por Empiricus

Por que a Weg (WEGE3) não está na carteira de dividendos da Empiricus?

Há 2 dias

Não perca: EXAME apresenta aula virtual e gratuita sobre gestão financeira nesta 4ª feira
seloNegócios

Não perca: EXAME apresenta aula virtual e gratuita sobre gestão financeira nesta 4ª feira

Há 2 dias

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais