Pioneira em IA, Singapura vai investir mais US$ 740 milhões na área

País foi um dos primeiros a publicar um plano de inteligência artificial em 2019

Singapura: país foi um dos primeiros a publicar um plano de IA em 2019 (lena Serditova/Getty Images)

Singapura: país foi um dos primeiros a publicar um plano de IA em 2019 (lena Serditova/Getty Images)

Publicado em 19 de fevereiro de 2024 às 08h35.

Em discurso na última sexta-feira, 16, o Vice-Primeiro-Ministro de Singapura, Lawrence Wong, anunciou que o país investirá mais de US$ 740 milhões (R$ 3,6 bilhões) ao longo dos próximos cinco anos para impulsionar ainda mais as capacidades de inteligência artificial do país. 

Como parte do investimento, Singapura trabalhará para garantir o acesso aos chips "que são tão cruciais para o desenvolvimento e implantação da IA", disse Wong, e estabelecerá parcerias com empresas líderes do setor. O plano pode fortalecer a posição da nação asiática como um centro global de negócios e inovação.

"Surpreendentemente, quase três quartos dos líderes empresariais globalmente estão despreparados para a transformação da IA, acreditando que suas preparações são limitadas pelo tempo, pessoas e dinheiro", disse Nithin Chandra, sócio-gerente do Sudeste Asiático na Kearney, uma empresa global de consultoria em gestão, à emissora norte-america CNBC.

"Essa iniciativa ajudará a garantir que as empresas possam capitalizar as oportunidades proporcionadas pelos avanços tecnológicos e capturar novas oportunidades", disse Chandra.

Os trabalhadores de Singapura já são os mais rápidos do mundo quando se trata de adotar habilidades de IA, de acordo com o relatório Futuro do Trabalho do LinkedIn lançado em agosto.

O país foi um dos primeiros a publicar um plano de IA em 2019. Em dezembro, a nação do Sudeste Asiático lançou a Estratégia Nacional de IA 2.0 - uma versão atualizada de suas iniciativas de IA, delineando maneiras de preparar a economia para aproveitar e utilizar a IA para capacitar trabalhadores e empresas.

Para promover o uso responsável de IA, Singapura também lançou o AI Verify em maio de 2022 - o primeiro framework de teste e toolkit de governança de IA do mundo para empresas. A ferramenta permite que os usuários realizem testes técnicos em seus modelos de IA e registrem verificações de processo. Google, Meta e Microsoft estão entre as empresas que já testaram a ferramenta AI Verify. 

Mais de Inteligência Artificial

Mark Zuckerberg sobre o atual momento da IA: não são apenas dados

OpenAI responde Elon Musk em acusação de que abandonou proposta de ser sem fins lucrativos

O que explica a queda da Nvidia na bolsa?

Netflix parece ter usado IA em documentário de 'true crime'

Mais na Exame