Acompanhe:

Mais ''descolado'' que o ChatGPT, Claude é uma IA que funciona como um colega de trabalho

Criado pela Anthropic, a inteligência artificial, que consegue escrever até 75 mil caracteres por resposta, se apresenta como mais fácil de conversar que o concorrente da OpenAI

Modo escuro

Continua após a publicidade
O robô Claude: criação da Anthropic  (Claude/Divulgação)

O robô Claude: criação da Anthropic (Claude/Divulgação)

O ChatGPT não te compreende ou gera respostas frias para assuntos que te importam muito? Talvez o bot Claude seja a solução. Ao menos, é o que a desenvolvedora Anthropic defende ao lançar uma nova atualização da inteligência artificial (IA).

Para concorrer com o primo mais famoso, Claude tem a premissa de ser ''mais humanizado''. A Anthropic diz para “pensar em Claude como um colega de trabalho ou assistente pessoal amigável e entusiasmado e que pode ser instruído em linguagem natural para ajudar o usuário em muitas tarefas”.

Na lista funções desse 'colega', estão habilidades para criar resumos, escrever código, traduzir texto e muito mais. Embora isso possa soar muito como o Bard do Google ou o chatbot do Bing da Microsoft, a Anthropic diz que ele é construído de forma diferente

A IA leva um tom mais coloquial do que seus equivalentes - e supostamente até tem senso de humor. Ele também é guiado por um conjunto de princípios. Chamado de “constituição”, esse manual é usado pelo bot para revisar suas respostas por conta própria, em vez de depender de moderadores humanos .

O chatbot estava disponível apenas para empresas por solicitação ou como um aplicativo no Slack. Com o Claude 2, a Anthropic está aproveitando os recursos existentes do chatbot com várias melhorias. Além da capacidade de criar respostas mais longas, o Claude 2 também é um pouco mais habilidoso em matemática, codificação e raciocínio quando comparado ao modelo Claude anterior.

Além disso, a Anthropic expandiu recentemente a janela de contexto de Claude para cerca de 75.000 palavras - mesmo na versão gratuita. Isso significa que é possível carregar dezenas de páginas para o bot, ou até mesmo um romance inteiro, para ser analisado.

Então, se você precisa de um resumo rápido de um trabalho de pesquisa complicado e muito longo, Claude é o seu bot ideal. Outros modelos têm limites muito menores, com o ChatGPT com um máximo de cerca de 3.000 palavras. 

Créditos

Últimas Notícias

Ver mais
OpenAI responde Elon Musk em acusação de que abandonou proposta de ser sem fins lucrativos
Inteligência Artificial

OpenAI responde Elon Musk em acusação de que abandonou proposta de ser sem fins lucrativos

Há um dia

O que explica a queda da Nvidia na bolsa?
Inteligência Artificial

O que explica a queda da Nvidia na bolsa?

Há um dia

Ministério Público cobra explicações do governo de SP sobre uso do ChatGPT para produzir aulas
Brasil

Ministério Público cobra explicações do governo de SP sobre uso do ChatGPT para produzir aulas

Há 2 dias

Descanse, Atlas: a aposentadoria do primeiro grande robô humanoide do século 21
Tecnologia

Descanse, Atlas: a aposentadoria do primeiro grande robô humanoide do século 21

Há 2 dias

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais