Future of Money

Inédito: desenvolvedores divulgam primeiro roadmap da história da dogecoin

Em oito anos de história, este é o primeiro plano de ação lançado pela Dogecoin Foundation e detalha oito novos projetos

A dogecoin começou como uma piada em 2013 e agora é a 12ª criptomoeda mais valiosa do mundo (Yuriko Nakao/Getty Images)

A dogecoin começou como uma piada em 2013 e agora é a 12ª criptomoeda mais valiosa do mundo (Yuriko Nakao/Getty Images)

Coindesk

Coindesk

Publicado em 27 de dezembro de 2021 às 12h20.

A Dogecoin Foundation, uma organização sem fins lucrativos que visa apoiar ativamente o desenvolvimento da criptomoeda-meme, lançou seu primeiro plano de ação detalhando uma série de novos projetos.

A fundação anunciou um “mapa” da dogecoin que explora oito projetos, incluindo o lançamento do LibDogecoin e da GigaWallet.

Este é o primeiro plano de ação divulgado pela fundação em seus oito anos de história.

Em agosto, a fundação assinou o Manifesto Dogecoin, que explicava o objetivo da dogecoin e permitia que os fãs da criptomoeda inspirada no cão da raça Shiba Inu também assinassem o manifesto, capturando o feedback e o que a comunidade queria do projeto.

A Dogecoin Foundation possui alguns membros do conselho e conselheiros bem conhecidos, incluindo o cofundador da Ethereum, Vitalik Buterin.

Em seu plano de ação, a fundação disse que está trabalhando com Buterin na “elaboração de uma proposta única para uma versão de ‘staking comunitário’ da Prova de Participação (PoS), que permitirá que todos, não apenas os grandes players, participem de uma forma que todos sejam recompensados por contribuir para o funcionamento da rede”.

A fundação ainda afirma que tem “alguns amigos influentes” ao seu lado e um grupo crescente de pessoas que estão se preparando para contribuir com o tempo de desenvolvimento para esses projetos de código aberto.

Em fevereiro, Elon Musk sugeriu em uma publicação no Twitter que a dogecoin poderia ser “a futura moeda do planeta terra”. O envolvimento de Musk na comunidade do token DOGE ajudou a fazer com que o preço da moeda “chegasse à lua” (palavras dele), junto com outras criptomoedas.

A dogecoin começou como uma piada em 2013 e agora é a 12ª criptomoeda mais valiosa por valor de mercado, de acordo com o CoinMarketCap.

Em julho, o fundador da dogecoin, Jackson Palmer, disse que não voltaria ao projeto, pois é "uma tecnologia hiper-capitalista, inerentemente de direita, construída principalmente para amplificar a riqueza de seus proponentes por meio de uma combinação de evasão fiscal, supervisão regulatória reduzida e escassez artificialmente aplicada”.

Nesta segunda-feira, a dogecoin é negociada por 0,1912, apresentando alta de 17% nos últimos 7 dias.

Texto traduzido por Mariana Maria Silva e republicado com autorização da Coindesk

Siga o Future of Money nas redes sociais: Instagram | Twitter | YouTube | Telegram | Tik Tok

Acompanhe tudo sobre:BlockchainCriptoativosCriptomoedasFinanças

Mais de Future of Money

Confusão sobre uso de blockchain pela BlackRock faz criptomoeda disparar e despencar em poucas horas

Taxa de emissão do bitcoin após halving está menor que a do ouro, revela análise

Bitcoin volta a cair poucos dias depois do halving e pode chegar a US$ 60 mil, projeta especialista

Empresa diz que vai congelar criptomoedas da Venezuela usadas para driblar sanções

Mais na Exame