Future of Money

IA e blockchain: a união do futuro? Apostando no setor, BTG disponibiliza duas novas criptos na Mynt

Criptomoedas de inteligência artificial chegam à plataforma cripto do maior banco de investimentos da América Latina; descubra quais são e como investir

Dogecoin é uma das criptomoedas para ficar de olho em março (Reprodução/Reprodução)

Dogecoin é uma das criptomoedas para ficar de olho em março (Reprodução/Reprodução)

Mariana Maria Silva
Mariana Maria Silva

Repórter do Future of Money

Publicado em 16 de maio de 2024 às 15h34.

Última atualização em 16 de maio de 2024 às 16h43.

Tudo sobreCriptomoedas
Saiba mais

Com o avanço da integração entre inteligência artificial (IA) e blockchain, muitos investidores, especialistas e empresas não querem ficar de fora do que pode ser a “união do futuro”. Nesse sentido, a Mynt, plataforma de criptoativos do BTG Pactual, anunciou nesta quinta-feira, 16, a inclusão de duas novas criptomoedas de IA e soluções de escalabilidade disponíveis para investimento.

  • O JEITO FÁCIL E SEGURO DE INVESTIR EM CRYPTO. Na Mynt você negocia em poucos cliques e com a segurança de uma empresa BTG Pactual. Compre as maiores cryptos do mundo em minutos direto pelo app. Clique aqui para abrir sua conta gratuita.

RenderToken (RNDR)

Lançada em 2017, a Render Network é uma plataforma distribuída de renderização de GPU – computadores superpotentes – que une artistas que precisam de poder computacional a operadores desses GPUs. Dessa forma, o aluguel destes recursos fica simplificado utilizando a tecnologia blockchain.

De acordo com os especialistas da Mynt em um anúncio, o token RNDR é crucial nesse ecossistema, transformando o processo de renderização e o tornando mais acessível, econômico e rápido.

Atualmente, a RNDR já possui um valor de mercado de US$ 4,11 bilhões, a colocando como a 24ª maior do mundo. Desde o início de 2024, a criptomoeda já subiu cerca de 109%.

Celestia (TIA)

Celestia é uma rede blockchain modular, que propõe a resolução de problemas de escalabilidade e permite a otimização de blockchains de segunda camada.

De acordo com os analistas da Mynt, a tecnologia da Celestia tem um potencial considerável de adoção por projetos que buscam soluções personalizadas e rápidas por possibilitar que desenvolvedores implementem blockchains rapidamente em seu ecossistema.

Relativamente nova, a TIA foi lançada em 2023 e já possui US$ 1,7 bilhão em valor de mercado.

"Na Mynt, estamos continuamente buscando ampliar as opções de investimento para nossos usuários. Com a recente inclusão dos tokens TIA e RNDR, oferecemos agora novas oportunidades de exposição em áreas promissoras do mercado", disse João Galhardo, analista de research da Mynt.

"Render, associado ao setor de inteligência artificial, e Celestia, focado em soluções de interoperabilidade e disponibilidade de dados, representam avanços significativos em suas respectivas áreas. Essas adições reforçam nosso compromisso em disponibilizar ativos que não apenas tragam exposição ao mundo cripto, mas também estejam alinhados com inovações tecnológicas robustas e fundamentais no espaço blockchain", concluiu o especialista à EXAME.

O JEITO FÁCIL E SEGURO DE INVESTIR EM CRYPTO. Na Mynt você negocia em poucos cliques e com a segurança de uma empresa BTG Pactual. Compre as maiores cryptos do mundo em minutos direto pelo app. Clique aqui para abrir sua conta gratuita.

Siga o Future of Money nas redes sociais: Instagram | Twitter | YouTube Telegram | Tik Tok  

Leia mais

Acompanhe tudo sobre:CriptomoedasCriptoativosBTG PactualInteligência artificialBlockchain

Mais de Future of Money

Criptomoeda ligada ao Telegram estreia no mercado com disparada de 4.650% e alta volatilidade

Morgan Stanley revela investimento de mais de R$ 1 bilhão em ETFs de bitcoin

Dona da Bolsa de Chicago quer oferecer negociação à vista de bitcoin e competir com exchanges

Investidor usa criptomoeda meme pepe para transformar US$ 3 mil em US$ 46 milhões

Mais na Exame